Publicidade

Estado de Minas MODERNIZAÇÃO POLICIAL

Serviço 190 da Polícia Militar de Sete Lagoas é integrado ao da capital

Com integração, policiamento nas ruas ganha reforço do contingente que antes trabalhava no atendimento das ligações


04/08/2020 16:23 - atualizado 04/08/2020 17:49

O atendimento do 190 da Polícia Militar de Sete Lagoas agora vai ser gerado pela Central de Belo Horizonte(foto: Divulgação/Polícia Militar)
O atendimento do 190 da Polícia Militar de Sete Lagoas agora vai ser gerado pela Central de Belo Horizonte (foto: Divulgação/Polícia Militar)
Buscando melhorar a qualidade de seu serviço de atendimento na região de Sete Lagoas, desde segunda-feira (3) os chamados para o número 190 da Polícia Militar de Sete Lagoas (19ª Região) e cidades próximas passaram a ser gerados pela central da corporação instalada em Belo Horizonte.
 
Segundo o coronel Alexandre Magno, da Diretoria de Apoio Operacional da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), o Copom tem uma tradição de 65 anos, desde que o serviço do 190 foi implantado, através do teleatendimento. “A diferença tecnológica é muito grande, e Sete Lagoas e adjacências só têm a ganhar com essa mudança”, afirma.
 
Ele explica que existe, a partir de agora, um aumento de recursos de atendimento. “Por exemplo, se houver uma explosão a banco, haveria, rapidamente, uma equipe reforçada para o combate. Será bem mais rápido do que hoje", garante.
 
“A mudança faz parte de um processo programado de modernização da estrutura de atendimento ao cidadão e da busca constante de excelência na prestação de serviço pela Polícia Militar. A 19ª RPM foi contemplada como a primeira região do interior do estado a fazer parte dessa nova estruturação”, diz o coronel.
 
Os policiais que trabalhavam na vigilância do 190 de Sete Lagoas, agora passam a reforçar o policiamento nas ruas(foto: Divulgação/Polícia Militar)
Os policiais que trabalhavam na vigilância do 190 de Sete Lagoas, agora passam a reforçar o policiamento nas ruas (foto: Divulgação/Polícia Militar)
Ele ressalta o ganho no atendimento às solicitações, tanto em qualidade quanto em celeridade. “A população de Sete Lagoas ganha no que diz respeito ao tempo real, a ação em tempo real. Existe também um ganho de efetividade.”
 
Como consequência do processo, haverá também um reforço no policiamento das ruas. “Os policiais militares que trabalhavam no COPOM da 19ª RPM foram designados para o serviço operacional de radiopatrulhamento e atendimento à população na cidade de Sete Lagoas”, explica Magno.
 
Além de Sete Lagoas, estão sendo beneficiadas as cidades de Inhaúma, Cachoeira da Prata, Fortuna de Minas, Baldim, Funilândia, Jequitibá, Santana de Pirapama, Paraopeba, Caetanópolis, Cordisburgo, Araçaí, Pedro Leopoldo, Matozinhos, Capim Branco e Prudente de Morais.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade