Publicidade

Estado de Minas DENGUE

Não é só coronavírus: dengue causa a primeira morte em BH neste ano

De acordo com a prefeitura, há mais de dois mil casos suspeitos da doença na capital mineira


29/07/2020 07:48 - atualizado 29/07/2020 14:46

Picada do Aedes aegypti pode transmitir vírus de dengue, zika e chikungunya (foto: Pixabay)
Picada do Aedes aegypti pode transmitir vírus de dengue, zika e chikungunya (foto: Pixabay)
Em tempos de pandemia do novo coronavírus, outro problema perigoso e antigo do Brasil e de Minas Gerais segue por perto: a dengue, que já foi tida como epidemia no estado por nove vezes desde 2009. Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte, a doença fez a primeira vítima na capital mineira este ano.

Conforme os números, divulgados nessa terça-feira, um cidadão belo-horizontino morreu de dengue em abril. A doença febril grave é causada por um vírus, transmitido por meio de picada do mosquito Aedes aegypti.

Segundo o mesmo levantamento do órgão ligado à Prefeitura de BH, há 4.321 casos confirmados de dengue até a última quinta-feira. Há outros 2.615 casos suspeitos e ainda em análise.

Outras viroses

 
Também causadas pela picada do Aedes aegypti, zika e chikungunya tiveram os casos atualizados pela pasta. São 22 casos confirmados de chikungunya em BH este ano, enquanto 23 ainda são investigados. Quanto à zika, há cinco diagnósticos suspeitos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade