Publicidade

Estado de Minas VOLTA DO FUTEBOL

Saúde recomenda isolamento para quem teve contato com jogadores infectados

Cazares (Atlético), Vinícius Popó (Cruzeiro) e Matheusinho (América) estão com a COVID-19 e foram afastados pelos clubes


postado em 01/06/2020 13:36 / atualizado em 01/06/2020 14:41

Cazares em disputa de bola com Guga no dia em que testou positivo para COVID-19(foto: Pedro Souza/Atletico)
Cazares em disputa de bola com Guga no dia em que testou positivo para COVID-19 (foto: Pedro Souza/Atletico)

Após a volta dos treinos dos principais times de futebol de Minas, Atlético, Cruzeiro e América tiveram, cada um deles, registro de jogadores com teste positivo para o novo coronavírus. O secretário de estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, recomendou nesta segunda-feira, que as pessoas que tiveram contato com esses atletas podem precisar de isolamento e testagem.

Segundo Amaral, é importante entender em que momento que está esse resultado positivo – se está em fase de transmissão da doença ou se já tem imunidade. “Se o atleta estiver em fase de transmissão entendemos que o cuidado deva ser ampliado e todos os contactantes desse atleta devam ficar isolados, em observação, e também serem acompanhados e testados”, explicou.

O secretário afirmou que este seria o comportamento padrão. Mas, caso o jogador tenha tido resultado positivo, mas já relacionado à imunidade, não haveria risco de transmissão. Os três jogadores foram afastados, mas os clubes mantiveram os treinos.
 

Jogadores com coronavírus

Matheusinho, jogador do América revelou na última sexta-feira que contraiu a COVID-19. O clube defendeu que omitiu que o jogador testou positivo para coronavírus para “preservar o atleta”. “O primeiro exame havia dado inconclusivo. O atleta, nesse momento, já havia sido orientado a afastamento, inclusive dos contatos próximos”, justificou o médico André Jafeth.

O atacante do Cruzeiro, Vinícius Popó, de 19 anos, teve resultado positivo para coronavírus em resultado que saiu neste domingo. De acordo com o clube, Popó não teve contato com outros atletas nem comissão técnica. Durante os treinamentos, os jogadores são divididos em pequenos grupos e se mantém a pelo menos dois metros de distância um do outro.

Cazares, do Atlético, foi diagnosticado com COVID-19 e teve contato físico com outros jogadores do elenco durante treinamentos na Cidade do Galo. Segundo o clube, apenas o meia foi diagnosticado com a doença após a bateria de exames realizados neste sábado. Apesar de todos os outros profissionais do clube não terem sido diagnosticados com coronavírus nesta testagem, existe a possibilidade de o vírus se manifestar posteriormente.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade