Publicidade

Estado de Minas SOLIDARIEDADE

Grupo 'Mimos com Afeto' distribui lanches em hospitais de BH

Até o momento, seis entidades já foram contempladas. Na próxima semana será a vez do Hospital Odilon Behrens


postado em 05/05/2020 18:07 / atualizado em 05/05/2020 20:08

Momento de solidariedade registrado pelo grupo Mimos com Afeto(foto: Grupo Mimos do Afeto/Divulgação)
Momento de solidariedade registrado pelo grupo Mimos com Afeto (foto: Grupo Mimos do Afeto/Divulgação)
Demonstrações de solidariedade são um alento nesses difíceis tempos de pandemia do novo coronavírus. Um grupo em especial, o “Mimos com Afeto”, chama a atenção por promover ações que tornam os dias de profissionais de saúde mais leves. Nesta terça-feira, por exemplo, os voluntários levaram lanches para médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e funcionários da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte.

O grupo, formado por cozinheiras, arquitetas, professoras, fotógrafas e empresárias, juntou-se para praticar o bem. Ao todo, são 25 pessoas envolvidas nas ações que promovem gentileza e empatia.

“A ideia foi da escritora Odete Castro, que participa de um projeto social criado por ela chamado ‘Uma flor cura uma dor’. Ela teve a ideia e falou com todas nós. Topamos. A cada semana, escolhemos um hospital para ofertar o lanche”, conta a professora aposentada Cláudia Maria Vasconcelos de Magalhães, de 59 anos, integrante do ‘Mimos com Afeto’.

Os itens do lanche são pizzas, pães, frios e doces. Tudo é confeccionado pelas integrantes do grupo. Outros produtos são adquiridos com dinheiro arrecadado em doações. “Na segunda-feira me ligou um senhor que ficou sabendo do movimento e disse que queria fazer a doação em dinheiro. Aceitamos com gosto”, diz Patrícia Sartini, empresária do ramo de alimentação.

A distribuição dessa terça-feira na Santa Casa foi feita por Cláudia, com ajuda do seu namorado, Edgar Chagas da Silva. “A gente entrega na porta. Não entra, por causa do risco”, disse ela, empolgada com a oportunidade de poder ajudar.

Registro de doação no Hospital João XXIII, dias atrás(foto: Grupo Mimos do Afeto/Divulgação)
Registro de doação no Hospital João XXIII, dias atrás (foto: Grupo Mimos do Afeto/Divulgação)


O grupo começou a atuar no começo de março. Até o momento foram feitas ações nos hospitais da Unimed, Felício Roxo, Risoleta Neves, UPA Centro-Sul, João XXIII e agora, a Santa Casa. Na próxima semana, será a vez do Odilon Behrens, com 160 lanches. “Lá, vamos atender também a porteiros e faxineiros”, afirma Cláudia.

Em breve, elas pretendem levar lanches e palavras de incentivo e agradecimento também às equipes do Samu, de Belo Horizonte.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade