Publicidade

Estado de Minas

Idoso leva tiro na cabeça e esposa é agredida por assaltantes em Uberaba

Três criminosos invadiram o terreno da família durante a madrugada. Neta do casal, de 12 anos, foi ameaçada pelos bandidos, que fugiram


postado em 04/07/2019 12:54 / atualizado em 04/07/2019 12:59

Crime ocorreu no Bairro Boa Vista durante a madrugada(foto: Reprodução da internet/Google Maps)
Crime ocorreu no Bairro Boa Vista durante a madrugada (foto: Reprodução da internet/Google Maps)


A Polícia Militar (PM) de Uberaba, no Triângulo Mineiro, está à procura dos assaltantes que invadiram as casas de uma família na madrugada desta quinta-feira. Um idoso de 70 anos, militar reformado, foi atingido por um tiro de raspão na cabeça. A esposa dele, de 65, e outra mulher de 42 foram agredidas pelos criminosos. 

O crime ocorreu por volta das 5h40 no Bairro Boa Vista. De acordo com a PM, o idoso contou que abriu a porta da cozinha e foi surpreendido por um homem no quintal, que anunciou o roubo. Ele reagiu e deu um soco no nele, entrando em luta corporal. No entanto, os outros dois comparsas se aproximaram para contê-lo e um dos homens atirou, ferindo a vítima do lado esquerdo da cabeça. 

Os homens usavam capuzes e um deles estava de capacete. Pelo menos dois estavam armados. Ao entrar na casa, eles renderam a neta da vítima, de 12 anos, exigindo as chaves do carro que estava na garagem, ou ela seria morta. A menina teve que levar um dos assaltantes até a casa dos pais, que fica nos fundos. Ao ver a filha ameaçada, a mãe entregou a chave do veículo.

A esposa do militar e a mãe da menina foram agredidas pelos criminosos e tiveram celulares, documentos e R$ 80 em dinheiro roubados. Em seguida, os criminosos fugiram no veículo de uma das vítimas, um Hyundai Santa Fe branco. 

O Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram chamados para socorrer as vítimas. As mulheres tiveram ferimentos leves. Já o idoso precisou ser atendido no Hospital das Clínicas de Uberaba, mas passa bem. A Polícia Militar recolheu uma munição calibre 9 milímetros no chão. Até o início da tarde os criminosos não haviam sido localizados. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade