Publicidade

Estado de Minas

Polícia prende 40 suspeitos de traficar cocaína a vácuo em Campo Belo

Segundo as investigações, organização criminosa era responsável pelo tráfico de drogas no Centro-Oeste mineiro


postado em 06/05/2019 13:40 / atualizado em 06/05/2019 14:17

As investigações apontaram que a organização criminosa foi responsável pelo surgimento da modalidade de cocaína embalada à vácuo na região(foto: Polícia Civil/Divulgação)
As investigações apontaram que a organização criminosa foi responsável pelo surgimento da modalidade de cocaína embalada à vácuo na região (foto: Polícia Civil/Divulgação)

Uma operação realizada na última quinta-feira pela Polícia Civil de Minas Gerais, em Campo Belo, no Centro-Oeste de Minas, resultou na prisão de 33 homens e sete mulheres, todos envolvidos com o tráfico de drogas.

A Operação Torricelli foi deflagrada para cumprir 46 mandados de prisão temporária, expedidos contra investigados pelo envolvimento com organização criminosa responsável pelo comércio ilegal de cocaína em Campo Belo e região.

As investigações da Delegacia de Repressão ao Tráfico de Drogas de Campo Belo duraram dois anos e apontaram que a organização criminosa foi responsável pelo surgimento da modalidade de cocaína embalada a vácuo na região. O nome da operação homenageia o cientista responsável pela comprovação empírica do vácuo.

A operação contou com 55 viaturas policiais, 192 policiais civis do 6º Departamento de Polícia Civil em Lavras, apoio do 7º Departamento de Polícia Civil em Divinópolis, além de equipes da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), Canil, Apoio Aéreo da Polícia Civil e agentes prisionais.
 
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 


Publicidade