Publicidade

Estado de Minas

Ex-companheiro tenta matar mulher a facadas no Sul de Minas

Segundo a vítima, homem já foi preso cinco vezes por agressões contra ela. Ex-casal permaneceu junto durante 20 anos e suspeito não aceitou o fim do relacionamento


postado em 22/04/2019 21:19

Ferimento no ombro da mulher agredida pelo ex-marido em Varginha(foto: Reprodução/TV Alterosa)
Ferimento no ombro da mulher agredida pelo ex-marido em Varginha (foto: Reprodução/TV Alterosa)

 
A Polícia Militar (PM) prendeu Luciano Tibúrcio, de 43 anos, neste fim de semana. O homem é suspeito de tentar cometer um feminicídio contra a ex-mulher, de 41. O ataque foi feito com uma faca na cidade Varginha, na Região Sul de Minas Gerais. O acusado também agrediu um amigo da vítima no pescoço.

O caso aconteceu em frente a um bar situado na Vila Barcelona, em Varginha. O ex-marido atacou a mulher, que sofreu um ferimento no ombro esquerdo. Segundo relatos da vítima, o homem já foi preso outras cinco vezes por agressões contra ela. Luciano não aceita o fim do relacionamento com a ex-mulher, que durou 20 anos. 

O término do relacionamento foi motivado justamente pelos casos de agressão. No início de abril deste ano, a mulher solicitou uma medida protetiva contra o ex-companheiro. 

De acordo com a vítima, o medo de novas agressões do ex-marido e o trauma dos ataques já sofridos impedem com que ela saia de casa com frequência. “Ele apareceu no bar e a dona disse que ele não poderia ficar lá. Ele disse que estava tudo bem e foi embora”, contou em entrevista à TV Alterosa. 

Contudo, a mulher e o amigo foram surpreendidos quando deixavam o bar em uma motocicleta. Luciano saiu de trás de um caminhão e desferiu os golpes. 

A polícia encontrou o suspeito em sua casa pouco tempo depois da ocorrência. Ele negou as acusações, mas foi levado a uma delegacia de Varginha. 

De acordo com a mulher agredida, o acusado fica na prisão por um curto período, geralmente de três meses. Depois, volta à cidade e o ciclo violento recomeça. “Ele já me deu outras facadas, já quebrou meu dente e uma sacolada com osso de suã no rosto”, lamentou a vítima. 


Publicidade