Publicidade

Estado de Minas

Defesa Civil de BH vai enviar alerta de alagamentos e outros riscos da chuva por SMS

Órgão municipal anuncia comunicação por mensagem mais precisa. Quem se cadastrar poderá receber alertas sobre diversos fenômenos como granizo, vendavais e deslizamento de terra


postado em 22/03/2019 09:22 / atualizado em 22/03/2019 09:48

Para se cadastrar no serviço de SMS da Defesa Civil de BH, é preciso enviar um SMS com o CEP para o número 40199 e aguardar a mensagem de confirmação(foto: Rodrigo Clemente/PBH)
Para se cadastrar no serviço de SMS da Defesa Civil de BH, é preciso enviar um SMS com o CEP para o número 40199 e aguardar a mensagem de confirmação (foto: Rodrigo Clemente/PBH)


A partir desta sexta-feira, a Defesa Civil de Belo Horizonte vai assumir o envio de alertas de chuva específico para os moradores da capital mineira via SMS. Antes, a população da cidade recebia os avisos por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), que vai continuar encaminhando as mensagens para os outros municípios do estado. 

Quem já era cadastrado no serviço estadual não vai precisar realizar o processo novamente. Já quem quiser começar a receber os alertas, deve enviar uma mensagem de  texto com o CEP do endereço onde mora para o número 40199. Uma mensagem de confirmação será enviada na sequência e o serviço é totalmente gratuito. O sistema foi desenvolvido pela Defesa Civil Nacional e as operadoras de telefonia móvel e é viabilizado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

Quem se cadastrar receberá comunicados sobre previsão e ocorrência de chuvas fortes, granizo, tempestades, alagamentos, vendavais, risco de deslizamentos de terra e outros fenômenos. 

“Belo Horizonte, dado o investimento que fez em estações meteorológicas, meteorologistas e equipe de monitoramento 24 horas tem condições de produzir uma informação muito mais pormenorizada e adequada aos cidadãos de Belo Horizonte. É mais precisa. Então, mudamos o paradigma e estamos permitindo que Belo Horizonte opere essa plataforma”, firma o secretário nacional de Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas. Ele ressaltou que o estado vai continuar com o papel de enviar alertas para as cidades que não têm a tecnologia e pessoal disponíveis como Belo Horizonte. 

“O que é importante é que muito mais pessoas vão poder acessar, lembrando sempre que não devem deixar de acompanhar as outras redes da Defesa Civil, como Twitter, Facebook e Instagram. Se uma tecnologia falhar, a outra replica, então é importante continuar acompanhando, destacou.

(foto: Defesa Civil de BH/Divulgação)
(foto: Defesa Civil de BH/Divulgação)


O subsecretário municipal de Defesa Civil, coronel Waldir Figueiredo, informou que os alertas serão direcionados par ato da cidade, não apenas para a região do CEP cadastrado. “Essas informações que estamos veiculando serão da diretoria de meteorologia e serão mais precisas porque não é só a previsão, mas os efeitos da chuva, do clima na cidade. Conseguimos quantificar a chuva, o efeito dela no nível dos córregos”, detalhou. “Significa informações que podem ser muito úteis para pessoas que estã ona via pública e podem tomar atitudes preventivas”, disse. 

Para o coronel Waldir, a comunicação por SMS tem potencial para atingir um público maior, já que há uma parcela da população que precisa ser avisada dos riscos, mas não tem acesso aos aparelhos telefônicos atuais ou à internet. “Essa forma de emissão de alertas possibilita que pessoas que não tenham smartphone, redes sociais e pacote de internet e muitas vezes vivem em áreas de risco possam receber essas informações de segurança”, pontuou. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade