Publicidade

Estado de Minas

Chuva derruba muro de empresa, arrasta carros e alaga apartamentos em Contagem

Tromba d'água que se formou com o temporal invadiu um condomínio residencial e arrastou veículos que estavam no estacionamento do edifício


postado em 21/03/2019 08:11 / atualizado em 21/03/2019 09:31

Ver galeria . 12 Fotos Veículos foram arrastados dentro de estacionamento de prédio e apartamentos do primeiro andar foram inundadosJair Amaral/EM/D.A PRESS
Veículos foram arrastados dentro de estacionamento de prédio e apartamentos do primeiro andar foram inundados (foto: Jair Amaral/EM/D.A PRESS )
Um temporal que atingiu a cidade de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, deixou vários estragos especialmente no Bairro Jardim Riacho das Pedras no início da madrugada desta quinta-feira.

Segundo o Corpo de Bombeiros, houve prejuízos diversos na Avenida Régulos, onde o muro de uma empresa cedeu e contribuiu para a formação de uma tromba d'água. A água chegou com força ao estacionamento de um edifício, arrastando 31 carros que estavam na garagem e alagando sete apartamentos no 1º andar do Condomínio Feliz Morada.

Ainda segundo os bombeiros, os danos foram apenas materiais e não houve o registro de vítimas feridas. Moradores de um dos blocos do condomínio chegaram a ficar ilhados e por isso os militares ajudaram na remoção desses moradores e também no resgate de animais de estimação. Uma quadra de esportes ao lado do condomínio também foi inundada e acabou bastante danificada pela enchente.

Quadra de esportes na Avenida Régulos também foi destruída(foto: Jair Amaral/EM/D.A PRESS)
Quadra de esportes na Avenida Régulos também foi destruída (foto: Jair Amaral/EM/D.A PRESS)


Outro problema verificado em Contagem ocorreu na Rua Andrômeda, com o deslizamento de um barranco que bloqueou parte da via. De acordo com a Defesa Civil de Contagem também houve registro de alagamentos em outros pontos, como a Avenida Francisco Firmo de Matos, que historicamente sofre com as enchentes. A água que se acumulou no Córrego Ferrugem inundou o manancial que deságua no Ribeirão Arrudas nos limites com Belo Horizonte. Em consequência dessa situação, a Avenida Tereza Cristina precisou ser fechada pela Defesa Civil de Belo Horizonte, mas segundo o órgão municipal da capital mineira não houve danos por esse transbordamento.

Em BH, outras equipes também realizaram monitoramento visual nos córregos Vilarinho (Região de Venda Nova), Sarandi e Ressaca (Regional Pampulha), mas não houve necessidade de intervenção nas vias que abrigam esses cursos d'água.

Deslizamento de barranco na Rua Andrômeda, também em Contagem, bloqueou a passagem na via(foto: Jair Amaral/EM/D.A PRESS)
Deslizamento de barranco na Rua Andrômeda, também em Contagem, bloqueou a passagem na via (foto: Jair Amaral/EM/D.A PRESS)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade