Publicidade

Estado de Minas

Mulher agredida e abandonada em estrada recebe alta do hospital

Vendedora foi encontrada pelos irmãos, seminua, desmaiada e com sinais de tortura, na estrada que dá acesso ao Parque Nacional do Caparaó


postado em 11/03/2019 12:38 / atualizado em 11/03/2019 13:48

Imagem mostra antes e depois de vítima ser espancada no Espírito Santo(foto: Divulgação/Rede Social e Polícia Militar)
Imagem mostra antes e depois de vítima ser espancada no Espírito Santo (foto: Divulgação/Rede Social e Polícia Militar)
Jane Cherubim, de 36 anos, que foi espancada e abandonada no meio de uma estrada, teve alta na noite desse domingo do hospital. Ela estava internada na Casa de Caridade de Carangola, na Zona da Mata.

O crime ocorreu na madrugada de 4 de março. Segundo os investigadores que estão à frente do caso, o motivo teria sido uma crise de ciúmes do namorado. A vítima havia saído por volta das 3h da madrugada da cervejaria da família, onde trabalhava durante o carnaval com o namorado, Jonas Guimarães Amaral Neto, de 34 anos, suspeito da agressão.

A vendedora foi encontrada pelos irmãos, seminua, desmaiada e com sinais de tortura, na estrada que dá acesso ao Parque Nacional do Caparaó. Os dois estavam juntos há pouco mais de um ano.

O casal morava em Espera Feliz (MG) e trabalhava em uma loja de calçados. Eles estavam na cervejaria de um dos irmãos da vítima, fazendo um serviço temporário durante o carnaval.

 As polícias Civil e Militar do Espírito Santo e de Minas Gerais estão à procura de Jonas principal suspeito de ter espancado. O Estado de Minas entrou em contato com a Polícia Civil de Minas e aguardo retorno (Com informações de Correio Braziliense)


Publicidade