Publicidade

Estado de Minas

Preso suspeito de atirar em porteiro ao tentar assaltar prédio em BH

Crime ocorreu na quarta-feira passada no Bairro Luxemburgo. É a segunda vez que funcionário é ferido por assaltante durante o trabalho


postado em 10/12/2018 11:50 / atualizado em 10/12/2018 11:56



A Polícia Civil confirmou, nesta segunda-feira, a prisão de um homem de 34 anos suspeito de balear um porteiro de 60 ao tentar assaltar um prédio na Avenida Raja Gabaglia, Bairro Luxemburgo, Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Foi a segunda vez em que o homem foi atingido por um tiro trabalhando no mesmo local. 

A polícia informou que o homem foi preso no último sábado, dia 8, e vai dar mais detalhes do caso em uma coletiva de imprensa na tarde desta segunda-feira. 

O crime ocorreu na quarta passada. Ao tentar impedir um assalto ao Edifício Beverly Hills,  o funcionário do condomínio José Pereira de Souza foi atingido por um tiro, depois de quase 40 segundos de luta corporal com o criminoso, tudo flagrado por uma câmera de segurança do prédio. Em junho de 2016, o mesmo trabalhador havia levado dois tiros na entrada do prédio. 

O porteiro José Pereira de Souza foi vítima de um ladrão pela primeira vez há quase dois anos e meio, quando foi baleado por um homem que se dizia entregador, com uma encomenda para uma moradora. Na semana passada, segundo o tenente Mauro Lúcio da Silva, do 22º Batalhão da PM, o crime aconteceu por volta das 7h30 e foi filmado pelo sistema de segurança do condomínio.

As imagens mostram o trabalhador caminhando para dentro do prédio, momentos depois de iniciar a jornada de trabalho. Enquanto o portão eletrônico se fecha, um homem aproveita para entrar na área interna, antes do hall de acesso ao elevador. Ambos saem do enquadramento da câmera, mas retornam em seguida atracados, já em luta corporal. 

Foram 37 segundos nessa situação, até que o assaltante dá um tiro que acerta o porteiro entre o ombro e as costas. Antes disso, ele parece querer tirar da mão de José Pereira um controle que aciona o portão da garagem. Quando consegue, ele atira e corre. Uma câmera do lado externo mostra um Siena parado do outro lado da Raja Gabaglia e um segundo suspeito fora do veículo. Esse homem entra no carro, em seguida vem o atirador e o Siena sobe a avenida, no sentido BH Shopping.

Na fuga o assaltante deixou para trás uma bolsa, com objetos como chaves de fenda e um alicate. O porteiro foi encaminhado pela própria Polícia Militar ao Hospital de Pronto-Socorro João XXIII consciente e reclamando de dores. A instituição não informa o estado de saúde dos pacientes. (Com informações de Guilherme Paranaíba)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade