Publicidade

Estado de Minas

Trio é detido após roubar viatura da Polícia Civil e trocar tiros com investigador

Segundo a PM, investigador foi abordado no estacionamento da Acadepol na manhã desta segunda-feira. Um dos envolvidos foi baleado


postado em 11/06/2018 13:23 / atualizado em 12/06/2018 07:41


Três homens, entre eles um adolescente, foram detidos após assaltarem um investigador no estacionamento da Academia da Polícia Civil (Acadepol) no Bairro Gameleira, Região Oeste de Belo Horizonte. Eles fugiram levando uma viatura descaracterizada, trocaram tiros com o policial, se envolveram em um acidente na Avenida Amazonas, roubaram outro veículo e acabaram rendidos por policiais militares.  A Polícia Civil vai dar mais detalhes do caso em uma entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira. 

O caso ocorreu pela manhã. “Eles queriam roubar um Gol, viram o veículo lá e subtraíram ele. Não perceberam que estavam dentro da Academia da Polícia Civil”, explicou o tenente Leonardo Bohrer, da PM. Segundo ele, o investigador que estava com o veículo não reagiu e entregou o carro, no entanto, os homens viram que ele estava armado e houve a troca de tiros. Um dos homens foi atingido na perna. Conforme o militar, ele acionou reforços e a PM deu apoio.  
Quando os assaltantes perceberam que a vítima, um investigador, estava armado, houve troca de tiros(foto: Polícia Militar/Divulgação)
Quando os assaltantes perceberam que a vítima, um investigador, estava armado, houve troca de tiros (foto: Polícia Militar/Divulgação)

(foto: Polícia Militar/Divulgação)
(foto: Polícia Militar/Divulgação)
Os criminosos fugiram pela Avenida Amazonas. “Ao entrar na Rua Cândido de Souza, bateram em outro carro. Um correu a pé e os outros dois tomaram um veículo de assalto e foram abordados”. O segundo carro roubado, um Uno, pertencia a uma mulher que estava levando três crianças para a escola. Ninguém se feriu. “Dentro do carro da Polícia Civil tinha uma réplica de pistola. O que fugiu estaria com a arma de fogo”, disse o tenente. Ainda há suspeita de que um quarto homem teria deixado os envolvidos na Gameleira para o assalto. 

O assaltante ferido na troca de tiros foi levado para o Hospital João XXIII. Às 12h49, a Polícia Civil comunicou ter prendido o terceiro envolvido no assalto. Com ele foi apreendido um Monza que era utilizado no cometimento de crimes e o celular do policial civil. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade