Publicidade

Estado de Minas

Policiais realizam parto de criança em posto na MG-010, em Vespasiano

Mãe e pai do bebê estavam indo para o hospital com um vizinho, quando a mulher entrou em trabalho de parto e pediu ajuda aos militares


postado em 19/04/2018 11:07 / atualizado em 19/04/2018 12:39

A pequena Eloá nos braços da sargento Gisele Bertucci, que ajudou no parto (foto: Polícia Militar/ Divulgação)
A pequena Eloá nos braços da sargento Gisele Bertucci, que ajudou no parto (foto: Polícia Militar/ Divulgação)
Policiais militares foram deslocados da adrenalina habitual provocada pelo combate à criminalidade para realizar o parto da pequena Eloá, na manhã desta quinta-feira, em um posto da PM na MG-010, em Vespasiano, na Grande BH.

A sargento Gisele Bertucci, que ajudou no parto, explicou que a mãe estava a caminho do hospital com o pai da criança no carro de um vizinho, quando foi solicitada a ajuda dos policiais.

 “Nós estávamos finalizando um outro serviço, aí, essa parturiente estava indo para o hospital com um vizinho e entrou em trabalho de parto dentro do carro. Eles pararam no posto da Polícia Militar Rodoviária e aí já iniciaram o parto e solicitaram apoio da nossa equipe”, disse. 

“A gente só finalizou os trabalhos cortando o cordão umbilical”,complementou a sargento. Após o nascimento da criança, que será registrada com o nome de Eloá, uma viatura da corporação encaminhou a mãe, uma jovem de 21 anos, até o Hospital Risoleta Neves, para que ela passasse por procedimentos de desinfecção, e para que a criança recebesse os devidos cuidados.

Contudo, a jovem teve a entrada na unidade retardada, pois, segundo a PM, ela e o marido estavam sem documentos e o pai teve de voltar à casa da família. 
 
*Com supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade