Publicidade

Estado de Minas

Começa contenção na BR-356, na Região Centro-Sul de BH

Segundo o DEER, toda a chamada cortina atirantada vem sendo monitorada por equipamentos durante 24 horas. As últimas três famílias devem sair hoje


postado em 23/03/2018 06:00 / atualizado em 23/03/2018 07:42

Segundo a Urbel, até o fechamento desta edição 29, das 32 famílias que precisam ser removidas haviam sido retiradas do local. As últimas três devem sair hoje(foto: Gladyston Rodrigues/EM/DA Press)
Segundo a Urbel, até o fechamento desta edição 29, das 32 famílias que precisam ser removidas haviam sido retiradas do local. As últimas três devem sair hoje (foto: Gladyston Rodrigues/EM/DA Press)
O Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER/MG) informou que ontem foram finalizadas três das seis estruturas de contenção (tirantes) que serão usadas para o travamento do painel mais instável no muro que ameaça ceder abaixo da BR-356, continuação da Avenida Nossa Senhora do Carmo, na Zona Sul de Belo Horizonte. Segundo o DEER, toda a chamada cortina atirantada vem sendo monitorada por equipamentos durante 24 horas. Além do órgão estadual, estão mobilizados em torno da questão a Defesa Civil do município, a Urbel, a BHTrans, a Polícia Militar, a Guarda Municipal e o Corpo de Bombeiros.

Como mostrou ontem o Estado de Minas, engenheiros envolvidos na obra apostam na estabilização do muro e da a encosta que ameaça ceder na altura do trevo do Bairro Belvedere. A intervenção começou pelo painel mais ameaçado, que deve ser contido nos próximos dias. Depois, o trabalho vai se concentrar nas demais placas, cujo risco é menor, com a perspectiva de estabilização de toda a estrutura em três meses.

Apesar de o órgão que comanda as obras do governo de Minas apostar na solução do problema sem consequências mais graves, a mobilização de funcionários graduados do departamento e também da Prefeitura de Belo Horizonte no local indica o tamanho, a seriedade e a urgência do desafio. Mas fontes ouvidas pelo EM asseguraram que no momento não há necessidade de ampliação do bloqueio de trânsito que já é praticado na BR-356. Será mantido o esquema de fechamento de tráfego em duas das quatro faixas da estrada no sentido Savassi/BH Shopping, para garantir a segurança no trecho.

Segundo a Urbel, até o fechamento desta edição 29, das 32 famílias que precisam ser removidas haviam sido retiradas do local. As últimas três devem sair hoje.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade