Publicidade

Estado de Minas

Memórias do campo


postado em 02/02/2020 04:00 / atualizado em 03/02/2020 15:23

Conversação principal do living conjuga tons claros e terrosos em mobiliário contemporâneo(foto: jomar bragança/divulgação)
Conversação principal do living conjuga tons claros e terrosos em mobiliário contemporâneo (foto: jomar bragança/divulgação)


Entre 360 projetos encaminhados para o concurso nacional da Tidelli, empresa especializada em mobiliário para exteriores, o elaborado pelo escritório de Gláucia Britto ficou em primeiro lugar na categoria residencial. O resultado, segundo o júri responsável pela escolha, foi fruto de uma combinação entre simplicidade com uma dose de sofisticação dentro da proposta casa de campo.
O terreno plano, uma lagoa e uma frondosa mangueira funcionaram como ponto de partida para a concepção arquitetônica do imóvel, levando em conta o hobby do proprietário, um grande apreciador da pesca. Essa somatória deu origem à construção horizontalizada, com 400 metros quadrados, em que todos os ambientes podem usufruir da paisagem, aproveitando ao máximo a natureza em torno.
Apesar de destinada aos fins de semana, o objetivo de Gláucia Britto era evocar sensações imprimindo na residência a referência de lar, de sítio no interior, para resgatar lembranças de infância e memórias afetivas materializadas pelo pé de manga, pelo balanço sustentado em seus galhos, pela prática da pescaria. Sem esquecer a necessária praticidade de uma casa destinada ao lazer, ao descanso, a reuniões com a família e amigos.
 
Integração é a palavra chave deste projeto em que todos os ambientes dialogam entre si (foto: jomar bragança/divulgação)
Integração é a palavra chave deste projeto em que todos os ambientes dialogam entre si (foto: jomar bragança/divulgação)
Essa premissa começa a ser aplicada no exterior. A varanda com piso em mármore bege bahia se estende por um deque de madeira protegido por amuradas no mesmo material, formando um ancoradouro, onde é possível usufruir da sombra da mangueira. Lagoa e deque se abraçam em harmonia, como se a casa flutuasse no espaço. Abaixo da árvore está a mesa redonda com 10 cadeiras, ponto perfeito para os encontros familiares. Na varanda, as espreguiçadeiras coloridas da Tidelli convidam ao descanso e contemplação da paisagem.
 
Integração é a palavra-chave do projeto e os panos de vidro são fundamentais para promover a interação entre fora e dentro da residência. O pé-direito da construção, com quatro metros de altura, também contribui para que o setor social respire. Living, jantar e espaço gourmet se associam em uma única composição. Totalmente equipado, em tom ébano, o último é o espaço mais usado na casa, servindo como apoio para a área externa. A mesa em madeira complementada por cadeiras em couro também faz parte do ambiente.
 
Os panos de vidro são fundamentais para promover a conexão entre fora e dentro da residência(foto: jomar bragança/divulgação)
Os panos de vidro são fundamentais para promover a conexão entre fora e dentro da residência (foto: jomar bragança/divulgação)
Mesclando mármore, porcelanato, madeira, Gláucia Britto optou por uma decoração leve, mesclando tons claros e terrosos, com a finalidade de promover aconchego. Ela reúne móveis contemporâneos e antigos, como o armário chinês localizado na circulação que une o living e a parte íntima.
 
Ao fundo, a sala de jantar com mesa em madeira e cadeiras em couro com detalhes nas costas(foto: jomar bragança/divulgação)
Ao fundo, a sala de jantar com mesa em madeira e cadeiras em couro com detalhes nas costas (foto: jomar bragança/divulgação)
Na sala de visitas, sofás brancos jogam com a poltrona revestida em couro natural marrom assinada pelo designer Daniel Ferro e encimada pela luminária Twiggy vermelha da Foscarini Lamps. Ao fundo, cortina em linho arremata a atmosfera de leveza. Dentro do espírito de funcionalidade, a TV também fica no local ocupando uma parede revestida em nogueira ebanizada e mármore travertino, acentuando um mix que é repetido em outros ambientes. Os adornos, peças da Espaço Casa, trazem cores pontuais ao projeto.
 
Espaço gourmet - O ambiente integrado ao living também se abre para a paisagem. Executado em tom ébano, ele se destaca na frente da parede com pé direito de 4 metros de altura..(foto: jomar bragança/divulgação)
Espaço gourmet - O ambiente integrado ao living também se abre para a paisagem. Executado em tom ébano, ele se destaca na frente da parede com pé direito de 4 metros de altura.. (foto: jomar bragança/divulgação)
No lavabo, a bancada exibe pia esculpida em granito preto absoluto e paredes trabalhadas com papel em tons terrosos. As louças e metais vêm na mesma proposta sóbria, com acabamento black noir.
Com três suítes, o destaque é o quarto do casal – bem limpo, com linhas retas, ele também se abre para o jardim. A madeira noce canaleto contrasta com o couro cru natural da cabeceira da cama, deixando o ambiente quente e sofisticado. O restante do mobiliário – aparador e criados – também é em madeira e foi desenhado pelo escritório de Gláucia Britto. Uma chaise em couro e gravuras geométricas completam o trabalho.
 
Toucador - Na área social, a bancada exibe pia esculpida em granito preto absoluto e espelho com madeira ebanizada.(foto: jomar bragança/divulgaçã)
Toucador - Na área social, a bancada exibe pia esculpida em granito preto absoluto e espelho com madeira ebanizada. (foto: jomar bragança/divulgaçã)
Já no quarto de hóspedes, a cabeceira da cama é revestida em linho. Tons de branco e terrosos  predominam na decoração. Luminárias da A. de Arte dão o toque especial ao dormitório, fechado por cortinas em linho.
 
Quarto de casal - Bem limpo, com linhas retas, o dormitório se integra ao jardim. Madeira noce canaletto e couro cru prevalecem na cama de casal. A chaise também é revestida em couro(foto: jomar bragança/divulgaçã)
Quarto de casal - Bem limpo, com linhas retas, o dormitório se integra ao jardim. Madeira noce canaletto e couro cru prevalecem na cama de casal. A chaise também é revestida em couro (foto: jomar bragança/divulgaçã)
Conforto é outra palavra que define o projeto de Gláucia Britto. Nele, tudo foi concebido para ser usado e vivenciado com a liberdade que uma casa de campo exige.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade