Publicidade

Estado de Minas CARREIRA

Sete passos para ter um perfil profissional de sucesso no LinkedIn

Especialista do Cebrac dá dicas para melhorar perfil na plataforma em que a média de contratação é uma a cada 7 segundos


22/04/2021 13:15 - atualizado 22/04/2021 14:20

Perfis no LinkedIn com fotos têm 21 vezes mais chances de conseguir uma vaga(foto: Gerd Altmann/Pixabay )
Perfis no LinkedIn com fotos têm 21 vezes mais chances de conseguir uma vaga (foto: Gerd Altmann/Pixabay )


Segundo levantamento feito pela Austin Rating, o desemprego no Brasil deve piorar em 2021. Neste ano, o país deve ter a 14ª maior taxa de desocupação entre 100 países do mundo todo. De acordo com o estudo, que leva em consideração as projeções do Fundo Monetário Internacional (FMI), a taxa deve ser de 14,5% neste ano, maior do que a de países como a Albânia, Sérvia, Colômbia, Turquia, o Irã e o Suriname.

Em compensação, segundo o levantamento apresentado na 24ª edição da Pesquisa Global com CEOs da PwC (24th Annual Global CEO Survey), cerca de 85% dos empresários no país esperam uma recuperação no segundo semestre de 2021. Ainda de acordo com a pesquisa "Agenda 21", desenvolvida com 663 empresas brasileiras pela Deloitte - multinacional em consultoria empresarial - é com esta expectativa que 44% das empresas esperam aumentar o quadro de funcionários.

A pesquisa também aponta que entre os quatro principais pilares para que a atividade econômica do Brasil seja estimulada em 2021 o primeiro é o estímulo à geração de empregos, com 81% das respostas.

Para Jefferson Vendrametto, diretor de relações institucionais do Centro Brasileiro de Cursos (Cebrac), isso mostra a lenta, mas otimista recuperação da economia. "Os empresários vão precisar ampliar o quadro de funcionários e estão exigindo cada vez mais profissionais que sejam antenados às mudanças tecnológicas e que tenham as práticas comportamentais que estão de acordo com a visão da empresa. As soft skills são as competências mais buscadas", comenta.

Em entrevista, Erica Firmo, gerente de comunicação do LinkedIn, divulgou que a rede em média contrata uma pessoa a cada sete segundos e que perfis com fotos têm 21 vezes mais chances de conseguir uma vaga. A rede, em abril de 2020, para ajudar as pessoas que perderam seus empregos, lançou o filtro "open for jobs", o qual está disponível a todos de forma gratuita.

O foco no LinkedIn é a network (rede de contatos) que você faz com a sua experiência. Para Rogério Silva, CEO do Cebrac, a rede possibilita quebrar barreiras geográficas com o "novo normal". "Não adianta nada só entrar na plataforma e inserir as informações, você precisa ser visto. Pois, acima de tudo, é uma rede social também", acrescenta.

Conheça 7 passos para que consiga uma oportunidade por meio do LinkedIn


• Mantenha um perfil completo e atualizado

Como já citado no texto acima, uma pessoa com uma boa foto de perfil tem a sua página visualizada 21 vezes mais do que aquelas sem fotos. Certifique-se de que seu perfil tenha todos os dados de cadastro, principalmente a sua localização. Assim, as empresas já sabem de onde você é e o que você fez ou faz.

• Siga as empresas de seu interesse

Veja o que eles publicam, interaja e amplie seu perfil para chegar mais próximo da tão sonhada vaga. Um exemplo, se o seu sonho é trabalhar em uma empresa internacional e construir uma carreira fora, certamente, se você aprimorar seu inglês poderá concorrer às melhores vagas e aumentar suas chances.

• Participe de grupos

Os grupos expõem suas habilidades e competências. Quando se está buscando uma vaga de emprego, isso faz toda a diferença. E, geralmente, quanto mais conexões você tiver com pessoas da sua área, mais vagas relacionadas com o seu interesse chegarão até o seu perfil.

• Interaja com suas conexões

O LinkedIn é uma rede social e, por isso, você deve interagir com as pessoas. Comentar, curtir, compartilhar! Tudo isso enriquece mais o seu perfil. Mas se atente, pois o foco da rede é trabalho. Seja polido nos comentários; as empresas estão olhando para o seu perfil.

• Saiba os seus potenciais

Divulgue ou crie um conteúdo sobre a sua área de atuação. Saiba quais são as melhores coisas em você. Toda a experiência é válida, como projetos voluntários ou a visão sobre algum post. Pesquise mais sobre o que chamamos de soft skills, que são as competências mais buscadas pelos recrutadores.

• Aprimore-se

Faça cursos, principalmente de idiomas ou de especialização em alguma área. Nunca deixe de se atualizar sobre o que a comunidade diz sobre essa área. Saber sobre o que está ocorrendo mostra que você tem a curiosidade de buscar o novo e estudar mostra seu domínio sobre determinado assunto. O que, com certeza, fará a diferença fora da rede também.

• Crie uma estratégia de busca

Você precisa primeiro filtrar os seus interesses de carreira, ou seja, faça a candidatura certeira. Não adianta mandar seu perfil para todas as vagas da plataforma. Salve a busca e crie um alerta. Assim, você sempre saberá quando surgem novas vagas. Outra dica é colocar no perfil o "open for jobs", no filtro de foto. Assim, logo que a empresa olhar o seu cadastro, verá que você quer trabalhar. E, por último, participe dos cafés virtuais que as empresas fazem na plataforma, assim você amplia seu networking.


Para saber mais sobre o Cebrac: 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade