Publicidade

Estado de Minas RECUPERAÇÃO

Voo para Comandatuba abre temporada de conexões em BH

Com o avanço da vacinação contra a COVID-19 no país, os pousos e decolagens vêm sendo ampliados


26/06/2021 04:00 - atualizado 26/06/2021 09:21

Circulação de clientes no aeroporto pode alcançar 587,5 mil durante o mês que vem, se confirmada a expectativa de expansão da demanda (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 28/5/21)
Circulação de clientes no aeroporto pode alcançar 587,5 mil durante o mês que vem, se confirmada a expectativa de expansão da demanda (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 28/5/21)

O aeroporto internacional de Belo Horizonte, instalado em Confins, na região metropolitana da capital, está se preparando para atender demanda entre 20% e 25% maior durante as férias de julho. Com o avanço da vacinação contra a COVID-19 no país, os pousos e decolagens vêm sendo ampliados e o número de passageiros deve chegar, até dia 30, a 470 mil circulando no terminal.

Dentro da estratégia de ampliação dos voos, o aeroporto passa a oferecer neste sábado (26/6) ligação direta da Grande BH com a ilha de Comandatuba, na Bahia. A BH Airoport, concessionária do terminal, informou que a expectativa é de que seja estabelecido em Confins um ponto de conexão para passageiros de outros estados nessa rota. Até então, essa opção só era oferecida pelo Aeroporto de Congonhas (SP).

Os voos de Confins para Comandatuba serão operados pela Azul Linhas Aéreas aos sábados, às 15h, com chegada prevista às 18h50. A partir de Confins, há previsão de retorno de três rotas para Cabo Frio (RJ), Florianópolis (SC) e João Pessoa (PB). Ao todo, o terminal oferece, hoje, 35 destinos.

Desde o início da pandemia, os aeroportos enfrentam queda de movimentação de passageiros. Antes da crise sanitária, cerca de 30 mil pessoas circulavam diariamente pelo aeroporto internacional de BH e em torno de 300 voos eram operados por dia, entre pousos e decolagens. Eram oferecidos 45 destinos, sendo cinco internacionais – para Orlando (EUA), Fort Lauderdale (EUA), Buenos Aires, Panamá e Portugal.

Um ano e três meses após os primeiros casos da COVID-19 no Brasil, a movimentação de passageiros oscilou. Neste mês, estão sendo operados 140 voos por dia, entre pousos e decolagens, no terminal da Grande BH. Uma vez confirmada a expansão que a BH Airport espera para julho, o número de passageiros atendidos poderá alcançar 587,5 mil.

Protocolos


De acordo com a concessionária BH Airport, o avanço da vacinação contra o coronavírus faz crescer a confiança das pessoas em voar, como observa o gestor de Conectividade e Aviação da empresa, Clayton Begido. “Estamos tomando todas as medidas necessárias para prevenção contra a COVID-19. Isso se reflete em mais confiança das pessoas e no aumento da demanda por voos, que será ainda maior, com as férias de julho. Daí, a importância de ampliar a conectividade de Minas com o restante do Brasil e também com o mercado internacional”, informou o executivo por meio de nota.

Após a pandemia, o terminal de Confins foi equipado com dispensadores de álcool em gel, barreiras de proteção nos locais de atendimento aos usuários e adesivos informativos para piso, assentos, banheiros e elevadores.

Para quem viaja a Belo Horizonte, em voos internacionais, há obrigatoriedade de realização de teste PCR para a COVID-19. O exame precisa ser feito com até 72 horas de antecedência e apresentado durante o embarque no país de origem.

É preciso, ainda, apresentar Declaração de Saúde do Viajante (DSV) preenchida com a concordância em relação às medidas sanitárias que devem ser cumpridas durante o período em que a pessoa estiver no Brasil. Ao desembarcar, os passageiros têm contato com representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que identifica se há alguém com sintomas da doença ou precisando de atendimento médico. Segundo a BH Airport, com o apoio do Exército, profissionais do aeroporto foram capacitados para descontaminação e higienização de áreas de grande circulação, além de reforçar a limpeza de ambientes comuns.

*Estagiária sob supervisão da subeditora Marta Vieira


RAIO-X


140 voos são operados diariamente no terminal de Confins, na Grande BH

470 mil passageiros é a estimativa de movimentação neste mês no aeroporto



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade