Publicidade

Estado de Minas ÓLEO DIESEL

Governo de Minas vai se reunir com tanqueiros nesta sexta (5/3)

Objetivo é dar continuidade às negociações sobre a nova alíquota do ICMS sobre os combustíveis e evitar nova paralisação da categoria


03/03/2021 21:13 - atualizado 03/03/2021 21:55

Tanqueiros querem redução na alíquota do diesel, combustível usado nas carretas (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
Tanqueiros querem redução na alíquota do diesel, combustível usado nas carretas (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)

 

Está marcada para esta sexta (5/3), às 16h, uma reunião do governo de Minas Gerais com o Sindicato das Empresas Transportadoras de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (Sindtanque).

 

O objetivo do encontro será discutir a alíquota sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS). A tarifa incide sobre o preço do óleo diesel.

 

Interlocutores do Sindtanque informam que a categoria vai dar “um voto de confiança” ao governo nesta reunião. Portanto, a greve continua suspensa até lá.

 

Porém, caso as partes não avancem nas discussões, a paralisação pode ser retomada. A ideia do sindicato é reduzir de 15% para 12% a alíquota.

 

Nesta quarta (3/3), o governo de Minas criou um grupo de trabalho para discutir a questão. Diversas sindicatos e federações compõem a equipe, além das secretarias de Estado de Governo, Fazenda e Planejamento e Gestão.

 

A criação já havia sido antecipada pelo governador Romeu Zema (Novo) na semana passada. A oficialização aconteceu no Diário Oficial do Estado. 

 

O grupo terá até 30 dias para concluir sua análise sobre o ICMS. Mas, caso esse período não seja suficiente, os técnicos terão mais um mês para debater o tema.

 

A criação do comitê era uma das demandas dos tanqueiros na semana passada, quando a categoria iniciou uma paralisação e provocou corrida aos postos. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade