Publicidade

Estado de Minas VALE DO RIO DOCE

Usina de biogás é inaugurada em Santana do Paraíso, no Vale do Rio Doce

A usina, instalada no aterro sanitário CTR Vale do Aço, fará com que o processo de transformação do gás em energia reduza o odor do metano nas proximidades do aterro


16/09/2020 18:09 - atualizado 16/09/2020 18:31

Usina de biogás já está em funcionamento no município(foto: Divulgação/ Prefeitura de Santana do Paraíso)
Usina de biogás já está em funcionamento no município (foto: Divulgação/ Prefeitura de Santana do Paraíso)
Foi inaugurada, nesta semana, em Santana do Paraíso, na Região do Rio Doce, uma usina de biogás no modelo de geração distribuída, usado para referenciar energia gerada através de fonte renovável de pequeno porte – próxima do local de consumo. A usina foi instalada pela ENC Energy Brasil com investimento de cerca de R$ 6 milhões. 

Na primeira fase de funcionamento, a usina tem um motor com capacidade de geração de 1MW, que fica localizado no aterro sanitário CTR Vale do Aço. A energia gerada a partir do biogás é proveniente da decomposição do lixo orgânico. O biogás é uma mistura de gás metano e gás carbônico – gerado a partir da decomposição dos resíduos orgânicos na ausência do oxigênio. 

O objetivo da usina é transformar esse gás em energia, uma vez que ela traz um benefício grande para o meio ambiente, já que o metano causa um impacto 25 vezes maior no aquecimento global do que o gás carbônico queimado no processo de geração de energia elétrica. Outro ponto positivo dessa atividade é que o processo de transformação do gás em energia reduz o odor do metano nas proximidades do aterro. 

Além desses benefícios, a queima e a geração de energia a partir do biogás geram créditos de carbono que podem ser vendidos para empresas comprometidas com o meio ambiente. 

Consumidores de pequeno porte


A usina já está em funcionamento e sua gestão comercial será feita pela Órigo - parceira da ENC Energy em outros empreendimentos - e focará em atender os consumidores de pequeno porte, base da pirâmide social.

“Já estamos investindo no mercado de geração distribuída em todo o país, e agora é uma satisfação iniciar a operação em Minas Gerais, ajudando os consumidores a terem acesso a uma energia limpa”, ressalta Igor Urasaki, diretor-comercial da ENC Energy Brasil. 

“É com grande satisfação que iniciamos esta parceria com a ENC em Minas Gerais para ajudar a levar ainda mais energia limpa para os consumidores de menor porte, que mais precisam de economia”, afirma Rodolfo Molinari, diretor-geral da Órigo

Está previsto o desenvolvimento de uma segunda etapa do empreendimento, com acionamento de mais um motor de 1 MW, em 2021.
 
*Estagiário sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade