Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

BNDES contesta plano de recuperação judicial da Odebrecht


postado em 05/10/2019 19:08

O BNDES contestou nesta sexta-feira (4) o plano de recuperação judicial da Odebrecht, informou hoje a assessoria de imprensa do banco. Segundo a comunicação, foi apresentada objeção porque o banco considerou que a proposta não demonstra capacidade de recuperação da empresa.

O movimento se segue ao pedido de falência da Odebrecht pedido na Justiça pela Caixa Econômica Federal. O banco público pediu ainda a destituição dos atuais administradores das recuperandas e convocação de assembleia geral de credores para deliberação de novos gestores. No final de setembro, a Caixa havia pedido ao juiz a extinção do plano de recuperação judicial, alegando que ao ter reunido em um único processo a recuperação judicial de várias empresas diferentes, teria agido contra a lei de recuperação judicial.

Fontes próximas a Odebrecht dizem que na segunda-feira (7) a companhia irá apresentar explicações sobre a consolidação das dívidas, atendendo pedido do juiz do processo. De toda a forma, os envolvidos na questão pela Odebrecht afirmam que no pedido de recuperação judicial e plano apresentado já constam as razões pelas quais houve a consolidação.


Publicidade