Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Bezerra está reunido com lideranças do Senado para debater Previdência


postado em 02/10/2019 12:06

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), está reunido nesta início de tarde desta quarta-feira, 2, com lideranças do Senado para decidir se a votação dos destaques da reforma da Previdência será retomada nesta data de fato. Há o temor nos bastidores do governo e do Congresso que a equipe econômica sofra novas derrotas se partir para o plenário sem antes reorganizar seus votos.

O líder do MDB, Eduardo Braga (AM), já defendeu rejeição dos destaques restantes para manter a proposta do relator. Ele foi um dos que puxaram o grupo de 13 senadores que traiu o governo e impôs uma derrota na Previdência.

O governo pode perder ao menos outros R$ 200 bilhões da economia com a reforma caso o Senado leve a cabo a estratégia de rejeitar mais destaques.

Na terça-feira, o plenário rejeitou as mudanças no abono salarial, tirando R$ 76,4 bilhões do impacto da proposta em uma década.

A avaliação de fontes do Congresso é de que a votação de terça foi um recado dos senadores diante da insatisfação com os rumos da divisão dos recursos do megaleilão de petróleo do pré-sal.


Publicidade