Publicidade

Estado de Minas

Médios e pequenos empresários apoiam a reforma trabalhista

A média mensal de novas ações protocoladas caiu de 226 mil em 2017 para 143 mil em 2018


postado em 29/11/2018 06:00 / atualizado em 29/11/2018 09:57


A reforma trabalhista foi positiva para a economia? Para responder à pergunta, a Sage, multinacional britânica que lidera o setor de softwares de gestão na nuvem, consultou mais de mil pequenos e médios empreendedores brasileiros. Metade deles considera a nova legislação positiva, enquanto 35% são indiferentes à questão. Apenas 11% não apoiam as mudanças. Segundo o estudo, 55% dos pesquisados revelam que já adotaram as novas regras na rotina das empresas. A reforma trabalhista completou um ano em novembro e, desde então, trouxe resultados consistentes. De janeiro a setembro, o volume de novas ações caiu 36% na comparação com o mesmo período do ano passado. Em números absolutos, são 726 mil processos a menos, de acordo com dados do Tribunal Superior do Trabalho. A média mensal de novas ações protocoladas caiu de 226 mil em 2017 para 143 mil em 2018. Ou seja: a reforma trabalhista trouxe mais segurança jurídica e, de forma geral, melhorou o ambiente de negócios do país.

Pizza Hut vai para a rua
Maior rede de pizzarias do mundo, a Pizza Hut vai colocar em prática seu maior plano de expansão no Brasil. Além da abertura de lojas em shopping centers, a ideia é abrir pizzarias nas ruas, com serviço de delivery. O plano é inaugurar 50 restaurantes nos próximos dois anos, principalmente no Rio de Janeiro, mas também em cidades com mais de 150 mil habitantes. A ação deve gerar 1,7 mil empregos diretos e injetar R$ 50 milhões na economia.

Projeto da Ticket resulta em economia de R$ 200 milhões
Uma solução criada pela Ticket, empresa do grupo Edenred Brasil, para a gestão de vale-transporte mostra como iniciativas inovadoras trazem resultados financeiros. Chamado de Crédito Inteligente, o programa permite que os valores não consumidos no final do mês retornem às empresas na forma de novos créditos, o que reduz os custos do mês subsequente. Segundo a Ticket, a solução economizou mais de R$ 200 milhões para as companhias desde o seu lançamento, há quatro anos.

Nova tecnologia da TIM chega a 10 milhões de clientes
A TIM atingiu a marca de mais de 10 milhões de clientes que utilizam o VoLTE (Voice over LTE, na sigla em inglês). A empresa garante que a tecnologia, uma espécie de serviço de voz em HD, melhora a qualidade das ligações. Mais de 2,2 mil cidades brasileiras contam com o serviço, incluindo todas as capitais. Até 2020, a meta da companhia é oferecer o VoLTE para 96% da população urbana em mais de 4 mil cidades, por meio da rede 4G da operadora.

RAPIDINHAS

l No próximo dia 5 de dezembro, o francês Charles Henry Chenut, consultor especializado em imigração, dará palestra em Belo Horizonte com o tema “Franceses no exterior – Como proteger sua família, estruturar seus ativos e otimizar sua tributação”. O seminário é destinado a executivos de nacionalidade francesa que residem no Brasil.

l Segundo dados do consulado-geral da França em São Paulo, atualmente estão instaladas no Brasil cerca de 950 empresas francesas ou com controle de capital francês, que empregam dezenas de milhares de pessoas. A vinda de Chenut à capital mineira tem o apoio da CCIFB (Câmara de Comércio França-Brasil).

l Nestes tempos de opiniões exacerbadas, empresas que não se posicionam – ou que se posicionam a ponto de incomodar potenciais clientes – terão problemas pela frente. Em dois anos, segundo dados de uma pesquisa realizada pela Ipsos, as menções ao termo “boicote” avançaram 144% nas redes sociais. E é crescente o número de consumidores que levam o boicote a sério.

l A Inteligência Artificial começa a mudar a publicidade. A nova campanha da marca de automóveis Lexus é a primeira escrita por IA, segundo a empresa. O roteiro foi desenvolvido por um programa chamado “Criativo IA”, da agência The&Partnership London, em parceria com o Watson, da IBM.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade