Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Setor eletroeletrônico eleva a 2,27 mil as contratações no ano, diz Abinee


postado em 22/11/2018 13:18

Das 57.733 vagas com carteiras assinadas abertas em outubro, segundo o saldo líquido do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho (Caged), 207 foram abertas pela indústria do setor eletroeletrônico, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee).

Após as fortes reduções observadas em maio e junho, influenciadas pela greve dos caminhoneiros, que provocaram a perda de mais de 2 mil postos de trabalhos no setor, o nível de emprego da indústria eletroeletrônica começou a apontar tendência de estabilidade a partir de julho, registrando oscilações mais amenas.

Só em outubro a indústria eletroeletrônica recuperou mais de 10% dos empregos perdidos na somatória de maio e junho como consequência da greve dos caminhoneiros. No acumulado deste ano, o saldo positivo de empregados no setor eletroeletrônico subiu para 2.268 trabalhadores, totalizando 236,4 mil empregados diretos.

"Esperamos que seja o início de uma retomada do nível de emprego com vistas a um cenário mais positivo", afirmou o presidente da Abinee, Humberto Barbato.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade