Publicidade

Estado de Minas

Imóvel onde funciona a lanchonete Xodó está à venda

O grupo Bonsucesso, proprietário do espaço e da marca, vai negociar a loja, mas quer que a lanchonete continue no local


postado em 06/06/2018 06:00 / atualizado em 06/06/2018 16:18

Imóvel colocado à venda abriga lanchonete pioneira em BH desde 1962(foto: Paulo Filgueiras/Estado de Minas - 06/02/2007)
Imóvel colocado à venda abriga lanchonete pioneira em BH desde 1962 (foto: Paulo Filgueiras/Estado de Minas - 06/02/2007)

O imóvel onde funciona o Xodó, uma das lanchonetes mais antigas da cidade, na Praça da Liberdade, no Bairro Funcionários, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, está à venda. O grupo Bonsucesso, proprietário do espaço e da marca, vai negociar a loja, mas quer que a lanchonete continue no local, de acordo com a administração da casa de lanches. O valor anunciado não foi informado.

“O que está sendo vendido é o imóvel e passaremos a inquilino. O Xodó fez 55 anos no mês passado. Não temos intenção de vender o ponto”, afirma o gerente do Xodó, Paulo Regadas. No mercado, entretanto, corre a informação de que outras redes de fast food já se interessaram pelo local, num dos principais cartões-postais da cidade.

Inaugurada em 1962, a lanchonete é ponto de encontro de gerações e foi uma das primeiras a ter hambúrgueres e milk shake no cardápio na capital mineira. Até a década de 1980, antes da chegada das redes internacionais, era o point da juventude e casa de lanches mais procurada da cidade. O Xodó já chegou a ter várias lojas na capital, inclusive em shoppings. Nos últimos 10 anos, no entanto, o restaurante fast food se restringe ao endereço original, na Praça da Liberdade.

O grupo Bonsucesso, que atua com empresas no mercado financeiro e no comércio varejista, é proprietário da lanchonete desde a inauguração. “O objetivo é manter a lanchonete, mas pegar esse recurso aplicado no imóvel e levar para outro investimento”, explica Regadas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade