Publicidade

Estado de Minas

Conselho escolhe Ivan Monteiro como presidente interino da Petrobras

Mais cedo, Pedro Parente pediu demissão do cargo alegando interferência política na administração da estatal


postado em 01/06/2018 17:35 / atualizado em 01/06/2018 18:47

(foto: / AFP / YASUYOSHI CHIBA )
(foto: / AFP / YASUYOSHI CHIBA )

O diretor financeiro da Petrobras, Ivan Monteiro, foi escolhido pelo Conselho de Administração da estatal para ser o presidente interino, correspodendo às expectativas do mercado que já apostavam que o cargo seria ocupado um integrante da própria diretoria. 

Hoje, a Petrobras já emitiu um comunicado sobre a saída de Pedro Parente que fez as ações da empresa despencarem na Bolsa de Valores de São Paulo. O dólar também subiu.

Monteiro foi levado para a empresa pelo então presidente Aldemir Bendine e mantido no cargo por Pedro Parente, que pediu demissão nesta sexta-feira. O nome agrada ao mercado financeiro e a empresários que atuam na Petrobras.

Com ele no comando da empresa não haverá uma mudança de 360.º no trabalho que Parente vinha desenvolvendo. “O verdadeiro homem do controle das finanças da empresa é ele”, disse um empresário.

Confira a íntegra do comunicado da Petrobras:

"A Petrobras informa que o Conselho de Administração realizou, hoje, uma reunião extraordinária, na qual o Presidente do Conselho, com base em previsão estatutária (§3º do art. 27), indicou e nomeou o engenheiro Ivan de Souza Monteiro para o cargo de Presidente interino da companhia até a eleição do novo Presidente definitivo. O Presidente Ivan Monteiro acumulará a função de Diretor Executivo Financeiro e de Relacionamento com Investidores. Fatos julgados relevantes serão tempestivamente divulgados ao mercado".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade