Publicidade

Estado de Minas

Meirelles troca Ministério da Fazenda pela candidatura

Decisão foi tomada depois de uma conversa do ministro com o presidente Michel Temer no Palácio do Planalto


postado em 06/04/2018 15:47 / atualizado em 06/04/2018 15:58

(foto: Beto Barata/PR )
(foto: Beto Barata/PR )

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, decidiu deixar a pasta para tentar concorrer à Presidência da República pelo MDB. A exoneração dele sairá em uma edição extra do Diário Oficial da União (DOU). Eduardo Guardia, hoje secretário executivo, vai sucedê-lo.

A decisão foi tomada depois de uma conversa do ministro com o presidente Michel Temer no Palácio do Planalto. Meirelles queria ter a garantia de que o partido vai apoiá-lo em sua campanha. O agora ex-minsitro avisou a Temer que não aceita ser vice dele nem de ninguém na chapa liderada pelo MDB.

 

Já fora do ministério, Meirelles começará sua agenda de candidato ainda nesta sexta-feira (6/4). Ele embarcará com Temer para uma viagem a Salvador. Pelo que foi traçado pelo MDB, no entanto, Meirelles terão agendas separadas para propagar, Brasil afora, as conquistas do governo.

 

Antes de anunciar a sua saída da Fazenda, Meirelles chegou a cogitar a ficar no cargo por medo de não ter apoio do MDB caso seja ele o candidato à Presidência da República. Ele foi aconselhado por vários assessores a não se deixar levar pelo canto da sereia do partido. Mas resolveu apostar.



Publicidade