Publicidade

Estado de Minas

Espanha deve empreender reformas estruturais para corrigir o desemprego


postado em 11/01/2012 14:35

A Espanha deve empreender reformas estruturais para corrigir o desemprego, que preocupa "fortemente" a União Europeia, disse nesta quarta-feira o comissário europeu de Assuntos Econômicos e Monetários, Olli Rehn.

"Lamentamos que o déficit fiscal na Espanha tenha se excedido de maneira substancial devido aparentemente ao gasto descontrolado dos governos regionais", disse Rehn durante coletiva de imprensa.


Ao mesmo, tempo, no entanto, Rehn ressaltou que o governo espanhol tomou medidas em dezembro para corrigir esse déficit."Cremos que agora a Espanha deve empreender reformas estruturais para corrigir o desemprego", sugeriu Rehn.

Na véspera, o presidente do governo conservador, Mariano Rajoy, anunciou que o déficit público das 17 regiões autônomas espanholas alcançou 2,7% do PIB no final de 2011, mais que o dobro da meta fixada (1,3%). O novo executivo, eleito no dia 22 de dezembro, também advertiu que o déficit da Espanha de 2011 pode superar os 8% do PIB, desempenho muito acima dos 6% previstos pelo governo anterior.


Publicidade