UAI
Publicidade

Estado de Minas MÚSICA

Salma Jô e Macloys Aquino lançam a sensual "Marquinha nesta sexta (24/6) "

Single antecipa a chegada do primeiro álbum com o formato duo dos fundadores da banda goiana Carne Doce


23/06/2022 04:00 - atualizado 23/06/2022 08:37

Salma Jô e Macloys Aquino posam para foto com imagem de mar ao fundo
Fundadores da banda goiana Carne Doce, Salma Jô e Macloys Aquino mudam o registro em seu projeto solo e se aproximam da bossa nova e da MPB (foto: Victor Quixabeira e Souza/Divulgação)
Suavidade e sensualidade ao mesmo tempo. É assim que Salma Jô e Macloys Aquino descrevem seu mais novo single, “Marquinha”, que será lançado nas plataformas digitais nesta sexta-feira (24/6). Com a canção, o casal goiano, fundador da banda Carne Doce, abre a divulgação do álbum de estreia de seu projeto solo, previsto para ser lançado em agosto.

Diferentemente da pegada indie rock com riffs de guitarra barulhentos e vocais gritados do Carne Doce, a proposta da dupla é se inspirar na bossa nova e na MPB e produzir músicas acústicas, que priorizem voz e violão. O primeiro EP do duo, “Salma e Mac”, foi lançado em junho de 2021, e está disponível nas plataformas digitais.

“No começo, foi um impulso de necessidade”, comenta Salma. “No final do primeiro ano de pandemia, precisávamos de um projeto e uma proposta mais barata e viável. Mas quando começamos a desenvolver voz e violão, descobrimos o prazer do processo. Foi desafiador tanto para mim, que descobri uma nova forma de cantar, menos gritado e menos forte, quanto para o Mac, que teve que trocar a guitarra pelo violão.”

Salma e Mac contam que foi após uma viagem ao Rio de Janeiro, em dezembro do ano passado, que eles se sentiram inspirados e empolgados para começar a produção de seu primeiro álbum. A experiência na Cidade Maravilhosa e o retorno aos palcos conferiu às composições uma cara “tropical”, mais alegre e solar do que a dupla costuma fazer com o Carne Doce.

ENTUSIASMO 

“Foi na empolgação do retorno dessa viagem e do entusiasmo e da excitação de estar novamente viajando. Nessa época, algumas restrições da pandemia estavam terminando e havia perspectiva de voltar a tocar e a trabalhar com música como trabalhávamos antes, o que nos deixou muito alegres depois de um período bem deprê”, relembra Salma.

“Marquinha” traz na letra e no arranjo a sensualidade e a elegância do casal em uma bossa simples e espontânea. As primeiras frases já revelam o tom despojado da canção: “Quando eu voltei bronzeadinha/daquela prainha/você não pôde suportar/as minhas marquinhas”.

"No final do primeiro ano de pandemia, precisávamos de um projeto e uma proposta mais barata e viável. Mas quando começamos a desenvolver voz e violão, descobrimos o prazer do processo. Foi desafiador tanto para mim, que descobri uma nova forma de cantar, menos gritado e menos forte, quanto para o Mac, que teve que trocar a guitarra pelo violão"

Salma Jô, cantora e compositora



“Minhas letras são bem sensuais”, diz Salma. “Gosto do exercício de explorar o erótico, até mesmo indiretamente e, agora, tem muito disso no disco”, ela diz. O que também pode ser percebido na capa do single, um sugestivo retrato da marquinha de Salma, fotografada por Mac em casa, em Goiânia.

“Quando mostramos as primeiras canções para o (músico e produtor) Alexandre Kassin, ele ficou empolgado com a nossa capacidade de fazer música acústica sensual. Ele inclusive comentou que a sensualidade está melhor empacotada com algo mais dançante e estimulante”, diz Mac.

Além de Salma e Mac, a faixa conta com Leonardo Reis, cuja colaboração com Gilberto Gil e Caetano Veloso lhe rendeu dois prêmios Grammy Latino, na percussão, e Kassin, que também produz o disco, no baixo acústico e banjo.

Depois do lançamento de “Marquinha”, a previsão é que um novo single, “Sobremesa”, fique disponível em 15 de julho, para que o álbum“Voo livre” estreie em 12 de agosto, com seis canções inéditas e duas regravações de músicas do Carne Doce.

Os artistas contam que estão ansiosos para começar a apresentar o projeto no palco, o que enxergam como um grande desafio, por se tratar de uma proposta totalmente diferente do que eles vêm fazendo com sua banda desde 2013.  

“Estamos apenas esperando o projeto tomar mais corpo para poder entrar em turnê. É muito diferente do Carne Doce, que já tem discos e shows, e as pessoas já sabem mais ou menos o que esperar de uma apresentação. Esse ainda precisa ser construído”, afirma Mac.

%u201CMARQUINHA%u201D, single de Salma Jô e Macloys Aquino

“MARQUINHA”
.Single de Salma Jô e Macloys Aquino
.Disponível a partir de sexta-feira (24/6) nas plataformas digitais

*Estagiário sob supervisão da editora Silvana Arantes


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade