Publicidade

Estado de Minas conta-gotas

Clínica de fisioterapia


29/11/2020 04:00 - atualizado 30/11/2020 15:32


A Clínica de Fisioterapia do Centro Universitário Newton Paiva já está recebendo pacientes no chamado Centro de Treinamento Funcional Newton (CTFN). Trata-se de um novo espaço complementar às estruturas preexistentes, que permite a realização de terapias mais dinâmicas e elaboradas. A inauguração do CTFN também deve permitir a ampliação da capacidade de atendimentos, viabilizando a parceria firmada com a Prefeitura de Belo Horizonte para atender pessoas em tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). "Com o Centro de Treinamento, temos mais liberdade para organizar o ambiente de acordo com as necessidades dos pacientes e realizar atividades que demandam espaço, como circuitos, por exemplo.", diz Aline Cristina De Souza, coordenadora do curso de fisioterapia da Newton.
Local: Avenida Silva Lobo, 1718, Nova Granada - BH
Horário de atendimento: das 7h30 às 18h
Agendamentos: (31) 3516-2629

Novembro laranja

(foto: Pixabay)
(foto: Pixabay)

Novembro é o mês de conscientizar as pessoas sobre o perigo do zumbido nas orelhas, um sintoma de que algo não vai bem e que pode estar relacionado à perda auditiva. Com o dia a dia cada vez mais barulhento, as dificuldades de audição não atingem mais apenas os idosos. Neste mês da Campanha Nacional de Alerta ao Zumbido, a constatação de que o índice de jovens com zumbido vem crescendo acende o alerta, em razão do uso cada vez mais frequente dos fones de ouvido, principalmente durante a pandemia. Muitos ainda escutam música em alto volume, o que piora o quadro. Há uma relação direta entre o excesso do uso de fones e zumbido porque, com os fones, o som penetra diretamente no canal auditivo. Os males à audição podem variar, dependendo o tempo de uso e do volume do áudio. Por isso, a prevenção é essencial. "Recomendo a todos que usam fones com frequência que façam uma avaliação chamada audiometria. É o exame que revela se já existem danos à audição e como proceder para evitar o agravamento. Além disso, o repouso/descanso auditivo é fundamental", aconselha a fonoaudióloga Marcella Vidal, gerente de audiologia corporativo da Telex Soluções Auditivas.
 
 
 

7 sinais de que você está bebendo pouca água

(foto: Pixabay)
(foto: Pixabay)

Com a proximidade do verão, é importante manter a atenção para os níveis de hidratação do organismo. Isso porque, com a chegada dos dias mais quentes, o corpo perde ainda mais água para controlar a temperatura interna e torna-se necessário aumentar a ingestão de líquidos. “A ingestão de 2 a 3 litros de água ao dia é importante para uma boa circulação sanguínea, manutenção do metabolismo, regulação da temperatura corporal e eliminação de toxinas”, explica a nutricionista ortomolecular Claudia Luz, do Departamento de Inovação da Via Farma. Além da sede, um dos primeiros sinais de desidratação, o corpo mostra quando precisa de mais água. Confira abaixo alguns indícios que o corpo dá:

1. Urina escura
2. Prisão de ventre
3. Cãibras
4. Irritabilidade, cansaço e falta de memória
5. Dores de cabeça
6. Mau hálito
7. Pele seca
 

Curso on-line gratuito para gestantes

(foto: Santa Casa BH/Divulgação)
(foto: Santa Casa BH/Divulgação)

Estão abertas, até 30 de novembro, as inscrições para a 2ª edição do “Curso de Gestantes” on-line realizado pela Associação das Voluntárias da Santa Casa (Avosc), em parceria com a equipe multiprofissional da Maternidade Hilda Brandão da Santa Casa BH e os postos de saúde. A iniciativa prepara as futuras mães para a gravidez, parto e pós-parto. Os pais e familiares também podem participar para saber como proceder na hora do rompimento da bolsa, quando levar a gestante para a maternidade, como ajudar no momento do nascimento, além dos cuidados com o recém-nascido. O curso é desenvolvido em quatro módulos de 30 minutos com vídeos que serão disponibilizados no YouTube em dezembro. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas pelo Sympla ou de segunda a quinta-feira, das 9h às 14h, pelo telefone (31) 3213-5727. Confira a programação:

» 1/12/2020 (terça-feira) – Módulos 1 (pré-natal) e 2 (parto)
» 8/12/2020 (terça-feira) – Módulo 3 (aleitamento) e 4 (cuidados com o recém-nascido)
» 15/12/2020 (terça-feira) – Live tira-dúvida

Câncer Infantojuvenil


O mês de novembro também é destinado a conscientizar a sociedade sobre o câncer infantojuvenil. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a doença é a primeira causa de morte (8% do total) entre crianças e adolescentes entre 1 e 19 anos. Em contrapartida, 80% dos diagnósticos nessa faixa etária podem ser curados se diagnosticados precocemente. Diferentemente dos adultos, em que a exposição é maior aos estímulos nocivos ambientais, hábitos de vida não apropriados, uso de medicamentos e alimentação inadequada por longo período, nas crianças isso não ocorre, segundo Evandro Carneiro, pediatra e médico intensivista da Unidade de Onco-hematopediatria do IBCC Oncologia, devido ao tempo muito curto de vida não possibilitar a exposição a fatores ambientais prejudiciais ou mesmo a fatores endógenos – substâncias produzidas em nosso organismo, como hormônios. Os pais devem estar atentos à palidez cutâneo mucosa, crescimento de gânglios (caroços no corpo) e sinais de sangramento, além de hematomas espontâneos no corpo e febre. A melhor maneira de diagnosticar e controlar o câncer é por meio da pesquisa direcionada da doença, com profissionais especializados e direcionados para a investigação de sinais e sintomas relacionados ao problema.
 

Saúde e beleza dos cabelos

(foto: Pixabay)
(foto: Pixabay)

Os cuidados com cabelos requerem avaliação de um dermatologista com experiência em tricologia para análise do couro cabeludo, qualidade dos fios e indicação de possíveis exames laboratoriais para, então, poder fazer uma prescrição personalizada. “A rotina de cuidados com cabelos e couro cabeludo deve seguir uso de produtos adequados ao tipo de fio”, explica a dermatologista Mariana Corrêa. Quando a preocupação do paciente é com crescimento dos fios, a dermatologista Fabiana Seidl, da clínica Neomedic, afirma que o crescimento dos cabelos depende muito dos aspectos determinados geneticamente: tamanho, formato e velocidade de crescimento. Justamente por isso, Fabiana Seidl explica que não significa que se deve tomar vitaminas aleatoriamente para esse fim. Confira dicas para manter a saúde e beleza dos cabelos:

– Só se deve prender os cabelos quando estiverem secos e não usar muita força (tração) nos fios
– Nunca dormir com os cabelos molhados, pois pode levar a quebra dos fios
– Evitar ao máximo fontes térmicas (secador, chapinha, babyliss e outros), mas se for usar aplicar protetor térmico


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade