Publicidade

Estado de Minas

O que dá sentido à vida

Estar juntos, ainda que virtualmente, é uma maneira de demonstrar amor e carinho no Dia das Mães. Para neuropsicanalista, muitos valores mudarão e as pessoas vão focar no que importa


postado em 03/05/2020 04:00

A família de Simone dos Santos Silva (e), de 44 anos, é numerosa e pela primeira vez não vai passar o Dia das Mães reunida(foto: Fotos: Arquivo pessoal)
A família de Simone dos Santos Silva (e), de 44 anos, é numerosa e pela primeira vez não vai passar o Dia das Mães reunida (foto: Fotos: Arquivo pessoal)

O coronavírus ensina para as pessoas o valor das verdadeiras coisas que dão sentido à vida, como os laços familiares, a relação com os amigos, o carinho, a importância de que todos estejam bem, na opinião da neuropsicanalista Priscila Gasparini Fernandes. “Devemos valorizar a família, os amigos, o trabalho. Com toda essa crise e o isolamento, tenho certeza de que muitos valores mudarão. As pessoas deixarão de dar importância para coisas pequenas, como o consumo excessivo, e realmente focar no que vale a pena: o amor e a liberdade”, salienta.

Nesse contexto, o Dia das Mães ganha um novo significado. “Muito maior que o presente é o desejo de que ela esteja bem e segura, sem o risco de se contaminar. Não é hora do abraço físico, mas podemos ter um contato virtual, mostrar todo o carinho e preocupação, com a certeza de que, quando tudo isso passar, as visitas físicas serão ainda mais valorizadas”, pondera Priscila.

A neuropsicanalista lembra que hoje a tecnologia é uma boa aliada. “Dentro do possível, filhos e mães podem fazer uma reunião virtual, conversar, talvez até almoçar virtualmente juntos, o que irá amenizar a falta da presença física. De alguma forma, estar presente e compartilhar este dia, tentando tirar o melhor proveito da situação com alegria e otimismo”, aconselha.

Para Priscila, o isolamento social, afora todos os transtornos, convida a refletir. “Pensar na vida, nas pessoas que amamos, nas preocupações que temos, e também sobre como podemos nos adaptar neste período. Quando tudo isso passar, tenho certeza de que haverá uma exaltação das relações presenciais, que serão muito mais prazerosas. Por enquanto, vamos nos prevenir, preservar quem amamos, para que possamos, em um futuro bem próximo, nos encontrar e desfrutar com alegria a presença da família e dos amigos.”
 
 
Roberta de Castilho Henrique, de 39 anos, encomendou o presente pela internet e vai fazer uma surpresa para a mãe, Tânia, de 67
Roberta de Castilho Henrique, de 39 anos, encomendou o presente pela internet e vai fazer uma surpresa para a mãe, Tânia, de 67
 
TRISTEZA 

Roberta de Castilho Henrique, de 39 anos, cuida do filho Vitor, de 5. Sua mãe, Tânia, de 67, vive com seu pai, Paulo, de 69, e ela tem ainda uma irmã, que mora sozinha. A servidora pública federal diz que são todos muito ligados, e não esconde a tristeza em passar o Dia das Mães distante da família. “Nunca passamos separados. É a primeira vez que vou passar esse dia longe da minha mãe. Tenho duas avós vivas ainda, de 96 e 86, e sempre estamos reunidos nessa ocasião. Com o coronavírus, é natural surgir um certo sentimento de depressão, e nessa data parece que piora”, reclama.

“Estamos isolados. De vez em quando pego o carro, vou até a casa dos meus pais, nos vemos pela varanda. Também sou mãe, é triste não estar juntos.” Roberta já encomendou uma cesta de café da manhã para a mãe, e vai comprar o presente pela internet, em uma loja que conhece – no dia, a ligação pelo vídeo também não vai faltar. “Temos muitas memórias boas desse dia em outros anos. Agora ninguém poderá estar com ninguém”, diz.

Simone dos Santos Silva, de 44, demonstra toda a sua dedicação ao filho, João Antônio, de 6. O pai da analista administrativo é falecido e a mãe, Joaquina, de 66, se casou novamente. Joaquina e o marido vivem em uma área rural entre Divinópolis e Igaratinga, no interior de Minas Gerais. A senhora costumava ir a BH quinzenalmente, mas com a pandemia parou com as visitas.

Simone tem outras duas irmãs, de 39 e 37, enfermeiras e empregadas em hospitais da capital, bem na linha de frente contra o coronavírus. As irmãs, inclusive, foram afastadas do trabalho por suspeita de COVID-19, o que já foi, no entanto, descartado. Uma delas vive com seus dois filhos na casa de Simone, também na companhia de João Antônio.

A família é numerosa. No Dia das Mães é festa na certa. A mãe de Simone, suas tias, irmãs, primas, as sogras, os netos – todos sempre se reúnem. “Este ano não vai ter jeito. É o primeiro que estaremos separados. É triste. Minha mãe, além do isolamento, tem doença autoimune e muitas vezes fica deprimida. Faço vídeos dos meninos brincando e mando para ela”, diz Simone, citando uma forma que encontrou para confortar Joaquina.

“Vamos passar o Dia das Mães eu, João, minha irmã e os dois sobrinhos. Faremos uma videochamada, incluindo minha outra irmã. Estamos com a ideia de que as crianças cantem uma música do Roberto Carlos para ela. É chorona. Só do telefone tocar, chora”, brinca. “Passar esse dia longe da minha mãe é complicado. Somos muito ligados, gostamos de farra, de festa. É uma família matriarcal, uma coisa bem mineira mesmo”, declara Simone.

 

Muito maior que o presente é o desejo de que ela esteja bem e segura, sem o risco de se contaminar. Não é hora do abraço físico, mas podemos ter um contato virtual, mostrar todo o carinho e preocupação, com a certeza de que, quando tudo isso passar, as visitas físicas serão ainda mais valorizadas”

Priscila Gasparini Fernandes, neuropsicanalista


Presentes inusitados

Com o isolamento social imposto pela COVID-19, muitos passarão o Dia das Mães longe de seus familiares, o que traz um ressignificado para o dia. Então, por que não deixar de lado os presentes materiais e focar no que realmente importa? Confira algumas dicas de presentes que fogem do óbvio e que sua mãe poderá guardar para sempre.

1 – Uma mensagem personalizada 
de uma celebridade
Todo mundo já foi (ou ainda é) fã de alguma celebridade, inclusive nossas mães! Então, que tal encomendar uma mensagem especial e personalizada do artista que ela adora? Cantores, atores, apresentadores de televisão, jogadores de diferentes esportes estão se unindo a plataformas que permitem  fãs de todo o mundo solicitarem mensagens de vídeos personalizadas! Você pode encontrar esse serviço em Okanal ou CAMEO.

2 – Uma árvore florida
Se sua mãe é fã de flores (ou do meio ambiente), esse é o presente ideal! A plataforma de reflorestamento Tree-Nation tem mais de 300 espécies de árvores para plantar on-line. Algumas opções incluem a Bauhinia purpurea, árvore com flores roxas em forma de orquídea, uma das preferidas entre as mães. Através do site da Tree-Nation, é possível plantar uma Bauhinia purpurea a partir de 2 euros (cerca de R$ 10) no projeto Conserve Natural Forest na Tailândia. Sua mãe receberá por e-mail um link com uma representação virtual de sua árvore e poderá decidir quando quer plantá-la.

3 – Presente escrito nas estrelas
O Starregistration.Net é um site que permite que pessoas registrem e nomeiem estrelas reais para si ou para seus entes queridos, que podem ser vistas em qualquer lugar do mundo durante o ano. É possível escolher o tipo de estrela, dependendo do seu orçamento. Uma estrela-padrão custa US$ 29,90, cerca de R$ 160.

4 – Uma conta de streaming de vídeo ou música
Durante essa quarentena, as plataformas de streaming se tornaram os grandes companheiros das famílias. O mercado de streaming hoje tem uma diversidade imensa e uma das dicas é investir em um streaming que seja a cara da sua mãe e presenteá-la com essa novidade!
» Música: Spotify, Apple Music, Deezer, 
Amazon Music, YouTube Music e outros.
» Filmes: Netflix, HBO Go, Amazon Prime, Globoplay, Telecine Play, Looke, Crackle, 
e outros.

5 – Um voucher-presente de um local especial
Pode ser o restaurante favorito, um barzinho, o salão de beleza ou até aquela loja que a sua mãe ama. Muitos estabelecimentos estão oferecendo aos consumidores a possibilidade de comprar um voucher com validade estendida para ser consumido após a quarentena. Essa ideia ajuda o comércio a se manter ativo.

6 – A chance de uma experiência inédita
Devido ao impacto da COVID-19, muitos países estão enfrentando uma escassez sem precedentes de recursos alimentares. Para angariar fundos, alguns sites estão leiloando experiências inéditas a partir de doações. Através do site, famosos leiloam experiências e o dinheiro arrecadado é revertido em doações. Entre as possibilidades de apostar, que começam em US$ 10, cerca de R$ 50, fãs podem ser coapresentadores de um programa da Ellen DeGeneres, receber ninguém menos que Justin Bieber em sua casa para cantar One less lonely girl, e participar de um filme do Scorsese com DiCaprio e De Niro. O ALL IN Challenge e o OMAZE são alguns dos sites com essas oportunidades.


palavra de especialista
MARIA CLARA JOST
doutora em psicologia
 
 

O valor dos pequenos gestos

“Quem sabe este não é um momento em que a impossibilidade de abraçar, beijar e tocar nos faça enxergar o valor desses gestos? Quem sabe se, ao falar ao telefone ou nos comunicar pela internet, por meio de uma tela de computador, não iremos sentir, talvez como nunca antes, a falta que faz aquele gesto simples de abraçar, muitas vezes, sem nada dizer? Quem sabe as palavras escritas nos cartões e nas mensagens não poderão agora dizer mais do que jamais puderam dizer, talvez porque eram antes ofuscadas pela falta de tempo, pelo barulho da corrida às compras, pelo movimento de shoppings lotados e pela concorrência de muitos afazeres inadiáveis? Talvez, quem sabe, paradoxalmente, nesse Dia das Mães de 2020 o isolamento social não possa significar, verdadeiramente, aproximação emocional? Quem sabe não seremos agora chamados a trocar muita quantidade por uma dose maior de qualidade? Qualidade nas palavras, qualidade no carinho, no cuidado e no zelo. Qualidade na responsabilidade. Sim, porque talvez estejamos nos dando conta, ao vivenciar o significado da palavra, de que a nossa 'resposta', única e individual, tem efeito e impacto no todo, afetando, construtivamente ou não, aqueles que amamos e a coletividade.”


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade