Publicidade

Estado de Minas JAECI CARVALHO

Cruzeiro continua 'imbatível na Toca 3': a vítima da vez foi o Sport

Uma vitória importante, que deixa o time mineiro a 9 vitórias e um empate do acesso, pelos números dos últimos 5 anos


28/06/2022 23:42

Jogadores do Cruzeiro celebram gol
O Cruzeiro vive a sua melhor fase nos últimos 3 anos (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A. Press)
A “Toca da Raposa 3” estava lotada, outra vez. A China Azul esperava mais uma grande vitória do Cruzeiro, para chegar aos 34 pontos, e continuar com sua gordura. E ela veio de virada, em cima do Sport, com gols de Sabino (contra) e Daniel Júnior. Kaike fez o gol dos visitantes.
 
Uma vitória importante, que deixa o time mineiro a 9 vitórias e um empate do acesso, pelos números dos últimos 5 anos. Quem chegou aos 62 pontos, subiu. Mas, pela campanha, é claro que o Cruzeiro vai passar dos 70 pontos.

O Sport marcou primeiro, com Kaike, em belíssima jogada, chutando no ângulo. Mas o Cruzeiro é gigante, está com a corda toda e não queria ir para o vestiário perdendo.
 
Trabalhou, criou situações, viu o goleiro do Sport fazer grandes defesas, mas ele não conseguiu evitar o gol contra de Sabino, em cobrança de escanteio, e o chute de Daniel Júnior, que desviou na zaga e entrou.
 
O Cruzeiro fazia 2 a 1, e mostrava quem é o dono do Mineirão. As lanternas dos celulares iluminavam o estádio e o torcedor era uma festa só. Como Grêmio, Vasco e Bahia encostaram, era preciso fazer os 3 pontos e continuar deixando os concorrentes mais longe.
 
O Vasco tem 30 pontos em 14 jogos, o Bahia 28 e o Grêmio 25, ambos com 15 jogos. Ou seja, somente o time carioca está mais próximo, mas a liderança continua isolada. O Sport ficou a 13 pontos do time azul.

Foi um bom jogo, muito melhor do que alguns da Série A. As duas equipes procurando o gol, tabelando, criando, sem dar pontapés, com muita qualidade.
 
Invicto no Mineirão, o Cruzeiro sabia que era o dono do estádio e que tinha uma gigantesca torcida a empurrá-lo. Mas o Sport foi guerreiro e fez um primeiro tempo de igual para igual. Criou muitas chances.
 
O time azul mostrou uma velocidade incrível, jogadas bem trabalhadas pelas extremas e Edu com arrancadas importantes. Enfim, qualquer um poderia ter saído vencedor nos primeiros 45 minutos, mas a grande fase do Cruzeiro lhe proporcionou esse privilégio.

No segundo tempo, as coisas não foram tão fáceis para o time azul. O Sport continuou firme no seu propósito e disposição para empatar. O goleiro Rafael Cabral entrou em ação e fez defesas importantes.
 
A torcida não parava de cantar e empurrar o time em busca do terceiro gol, mas o time pernambucano estava firme e sólido na defesa. O desempenho do Cruzeiro no Mineirão é fantástico com 7 jogos e 7 vitórias, tendo tomado apenas um gol, justamente esse do Sport.
 
As cores do arco-íris estavam lá para afastar qualquer tipo de homofobia e discriminação. O próprio Ronaldo Fenômeno declarou em seu canal “que torcedores homofóbicos não são bem-vindos".
 
Num mundo com tanto ódio e violência, é preciso que cada ser humano faça uma mea-culpa e haja sem racismo, preconceito ou qualquer tipo de discriminação. Estamos no Século 21, precisamos evoluir como seres humanos.
 
Estamos aqui de passagem, justamente para isso. O árbitro apitou o fim da partida. Mais uma grande vitória do Cruzeiro, da China Azul e de Ronaldo.
 
O Cruzeiro vive a sua melhor fase nos últimos 3 anos. Casa em ordem, salários em dia, time e técnico felizes. Que venha a “próxima vítima”, pois, na “Toca 3”, o Cruzeiro não abre mão dos 3 pontos.

NEYMAR FORA DO PSG


É o que garante o jornal "El País", da Espanha, que diz que o príncipe catariano, dono do clube francês, já comunicou ao pai do jogador que ele não faz parte dos planos para essa temporada.
 
O problema é que pelo Fair-Play financeiro, somente 3 clubes da Inglaterra poderiam tentar contrata-lo. O Chelsea é um deles.
 
Mas, como tem muito dinheiro, o príncipe, pode muito bem manter Neymar sob contrato e não o deixar jogar em clube nenhum. Seria uma punição pelo desrespeito e falta de comprometimento dele com o PSG.
 
Caso isso aconteça, Tite convocaria Neymar para a Copa do Mundo, sem ele atuar em time nenhum?

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade