Publicidade

Estado de Minas

temporada de férias no exterior


postado em 19/01/2020 04:00

Walter e Martha Caixeta (foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Walter e Martha Caixeta (foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)

 
O conhecido e craque médico Walter Caixeta Braga voltando de uma temporada de férias no exterior. Tem dois filhos morando por lá: um no Canadá (Toronto) e outro em Dallas. A mulher, Maria Martha, ficou por lá aproveitando os netos.

A coluna lamenta a perda de Catharina Matos, que instituiu em Minas a necessidade da montagem de uma casa de festas luxuosa e ligada a uma cozinha de primeira linha. Quem segue a carreira da mãe é sua filha Virginia.

O senador Antônio Anastasia, mantendo sua programação anual, está chegando de uma temporada de férias no exterior. Desta vez, seu passeio o levou ao Egito.
 
 
FARTURA
em Conceição

Em suas andanças pelo país, o Projeto Fartura – Comidas do Brasil foi parar em uma cidade com grande potencial turístico e gastronômico, famosa por ser terra de José Aparecido de Oliveira: Conceição do Mato Dentro. Com lindas cachoeiras, incluindo a do Tabuleiro e do Rabo de Cavalo, trilhas ecológicas, Poço Pari e um mirante de tirar o fôlego, cada vez mais pessoas vêm se encantando pela região. Assim como o Festival Cultura e Gastronomia Tiradentes foi importante para tornar Tiradentes um grande polo da gastronomia no Brasil, o Fartura agora aposta em Conceição do Mato Dentro. Para isso, está realizando o Festival Cultura e Gastronomia Conceição do Mato Dentro neste fim de semana, como forma de apresentar ao público as riquezas locais e também mostrar a cultura gastronômica das outras regiões do país, com renomados chefs de cozinha. Para fomentar ainda mais o cenário local, o projeto vai realizar nesta segunda (20) um curso de capacitação gratuito para o público local. Dessa forma, todos podem aprender sobre as boas práticas na cozinha e saem certificados para preparar deliciosas receitas para o 
público em geral.


OTIMISMO
invernal

Quem foi para as feiras de sapato & bolsa em São Paulo voltou animado com o movimento de compradores. Tanto a Couromoda quanto os salões paralelos tiveram resultados acima do esperado. Alguns expositores, inclusive, garantiram até três meses em sua produção. Nos estandes, o inverno 2020. Mas, importante mesmo, é que essas feiras, as primeiras do ano, sinalizam como será o desempenho do mercado fashion nos próximos meses. Otimismo geral.


OSCAR
Era uma vez 
Hollywood...

Depois do fuxico sobre a inclusão do documentário político brasileiro na disputa pelo Oscar (em 9 de fevereiro), quem gosta de cinema (e não de política, na qual a versão vale mais que o fato) aguarda, ansiosamente, pela decisão sobre o melhor filme do ano. Tudo porque a diversidade de estilos é tão profunda que chega a ser antagônica. O mesmo viés pode ser aplicado nas indicações para ator principal, ator coadjuvante, diretor e por aí. Parece até o tapete vermelho da mesma premiação. Vale tudo.
 
 
MINEIRO
internacional

Estamos em plena temporada de lançamento da moda masculina. Temporada essa que já rendeu ótimos momentos, como o desfile da Prada com combinação inusitada e precisa de cores e pitadas de elementos femininos, e a estreia da marca Random Identities, de Stefano Pilati, ex-Saint Laurent, que hoje reside em Berlim. A coleção apresentada por ele já é desejo – tanto de homens quanto de mulheres. Outro dado importante desses lançamentos é a participação de modelos na apresentação das coleções. Entre os modelos brasileiros com grande destaque na moda internacional, podemos listar Andre Ziehe, Alexandre Cunha, Marcio Souza, Will Moterlle, Antonio Bevilacqua, Will Moterlle e Bernardo Belmar. Will Moterlle é de Videira, Santa Catarina. Começou na carreira aos 15 anos e hoje está com 21. Morando nos Estados Unidos, já fotografou para Vogue Japão e desfilou para Dolce Gabbana e Balmain. Desconhecido em seu país de origem, é sucesso no exterior. Outro sucesso é Márcio Souza (foto), nascido em São Paulo e criado em Belo Horizonte, onde foi descoberto por um olheiro que o levou para uma agência de modelos. A primeira experiência no mundo da moda não durou muito, seu interesse estava em cursar biologia. Terminada a faculdade e por insistência da agência, retomou o trabalho e dessa vez o sucesso veio rápido. Durante um ano trabalhou para as grandes marcas brasileiras e em seguida partiu para conquistar o mundo, passando pela Tailândia, México, Nova York, Miami e Los Angeles. Márcio é queridinho de Donna Karan, que o fez raspar o cabelo para o primeiro trabalho juntos. Ele também já estampou campanhas para as marcas Adidas, Nike, Avon e Massimo Dutti, além de estrelar o comercial mundial  do Lipton Ice Tea. 
 
CARNAVAL
cultural

Uma oportunidade de fazer parte do desfile das escolas de samba 2020 no carnaval de Belo Horizonte. Esse é o objetivo da parceria inédita firmada entre a GRES Canto de Alvorada e o UniBH. Este ano, a Canto de Alvorada homenageará o estilista mineiro Ronaldo Fraga, patrono e um dos idealizadores do curso de pós-graduação em moda e inovação do centro universitário. Por isso, a Escola e o UniBH vão oferecer, gratuitamente, uma oficina para a confecção de fantasias e a chance de fazer parte da ala coordenada pela instituição de ensino no desfile – a Costela de Adão.Os participantes terão uma aula ministrada pelo próprio Ronaldo Fraga na primeira semana do evento. “As fantasias elaboradas pelos alunos do DesignLab UniBH serão confeccionadas no laboratório do centro universitário, que vai ceder todo o material necessário para a produção”, explica Flávia Virgínia, coordenadora do curso de pós-graduação em moda do UniBH.


MEGXIT
sem recibo real

A novela da atriz Meghan Markle e do príncipe Harry fugindo da família real inglesa ganhou dimensões globais – tal e qual aconteceu com o tio-bisavô do rapaz, príncipe de Gales, quando deixou a Inglaterra (na década de 1930) para se casar com a plebeia e divorciada americana Wally Simpson, e acabou em solidão arrependida até o fim dos seus dias. No caso atual, parece que o joguinho dos jovens duques de Sussex de buscar protagonismo familiar pressionando a vovó, rainha Elizabeth, decidindo ficar longe dela, não deu certo. Sua Majestade deu de ombros para a ameaça, liberou o casal para viver no Canadá e, ainda, fortaleceu a posição do irmão dele, príncipe William – futuro rei do país. Afinal, a velha senhora (aos 93 anos) já enfrentou coisas bem piores que pirraça de neto maluquinho e desempenho forçado de atriz de seriado. Não passou recibo.


BACO
mar de vinho

Surpreendente as contas de um apreciador de vinho, depois de percorrer as distribuidoras do produto existentes na capital. A saber: com quatro grandes empresas de distribuição, mais os supermercados premium e ofertas avulsas vindas de outras cidades, teríamos cerca de 20 mil rótulos mundiais da velha bebida disponíveis – apenas em BH. E com o detalhe (importante) de todos terem distribuição exclusiva na cidade. Multiplicando tudo isso para outras regiões, chega-se a cifras impressionantes. O curioso é que, mesmo assim, o amigo da coluna não encontrou o rótulo desejado.


POLIGENIA
sexo disruptivo

Num mundo disruptivo, o chamado agênero (ou seja, algo que vale tanto para homem quanto para mulher) acabou multiplicando as opções para, paradoxalmente, definir a imensa gama de gêneros e subgêneros. Segundo estudo sobre o assunto, são cerca de 32 definições para colocar alguém em algum nicho de opção sexual ou atitude dita inovadora – caso deseje se situar em alguma delas. Isso quer dizer que o atual LGBTS pode ser bem mais amplo do que se imaginava. Do jeito que a coisa vai, em breve nosso restrito alfabeto não terá letras suficientes para tanta modernidade.


POR AÍ...

Lançamentos (em pronta-entrega, no atacado) do inverno 2020 têm agenda cheia nesta semana. Um deles é da grife Romaria, que marcou encontro para uma prévia invernal na terça-feira. Repete a dose no início de fevereiro para o lançamento oficial. Inspirada em Sevilha, sua coleção será saudada com um borbulhante ‘cava’ catalão.

O estilista Ronaldo Silvestre, uma das melhores revelações no cenário fashion mineiro nos últimos tempos, é um dos destaques na série Vogue Valores, que a conhecida revista está promovendo entre os designers comprometidos com a sustentabilidade. Lembrou a tradição mineira de reaproveitar materiais e sua experiência pessoal no assunto.

A peça São Franciso – Do rio ao riso, com o ator Carlos Nunes, volta aos palcos dentro da Campanha de Popularização do Teatro e da Dança. Fica em cartaz até o dia 26, no Teatro Santo Agostinho. Esse foi um dos maiores sucessos da temporada teatral de BH no ano passado. 


Publicidade