Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas MERCADO S/A

Montadoras e empresas de eletrônicos sofrem com falta de componentes

Ontem, a Mercedes-Benz anunciou a concessão imediata de férias coletivas para uma parte dos funcionários da fábrica de São Bernardo do Campo


05/07/2022 04:00 - atualizado 05/07/2022 07:40

Linha de montagem da Mercedes-Benz em São Bernardo do Campo, São Paulo
Funcionários de companhia aérea em greve no aeroporto Charles de Gaulle, em Paris (foto: Wagner Malagrine/Divulgacão - 26/6/07)

A falta de componentes segue provocando estragos na indústria automotiva. Ontem, a Mercedes-Benz anunciou a concessão imediata de férias coletivas para uma parte dos funcionários da fábrica de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, onde são produzidos caminhões, chassis de ônibus e componentes.

Segundo a montadora, a medida é válida até 15 de julho. Esta é a quarta paralisação nas linhas de produção da Mercedes apenas em 2022, e é muito provável que novas interrupções sejam feitas. Não se trata de um caso único.

Desde a semana passada, colaboradores da Volkswagen na mesma São Bernardo estão em casa pelo mesmo motivo. O problema também atinge a indústria de aparelhos eletrônicos. Uma sondagem feita pela Abinee, entidade que representa o setor, constatou que 57% das fábricas de produtos como celular, notebook e TVs tiveram a produção de alguma forma prejudicada pela falta de componentes eletrônicos.

JBS dobra aposta em biocombustível

A JBS Biodiesel, subsidiária da JBS, vai investir R$ 180 milhões para construir uma unidade de biocombustível na cidade de Mafra, em Santa Catarina. A planta deverá produzir 370 milhões de litros por ano, o suficiente para dobrar a capacidade de fabricação de biodiesel da companhia. Segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), em 2021, o Brasil produziu 6,7 bilhões de litros – com o novo investimento, a JBS responderá por cerca de 10% desse volume.

Alta demanda e greve levam caos para aeroportos da Europa

O primeiro domingo de julho, em plenas férias de verão no hemisfério norte, ficou marcado por muita confusão nos aeroportos da Europa e dos Estados Unidos. A alta demanda e a greve de funcionários de algumas companhias aéreas fizeram com que recordes negativos fossem quebrados. Naquele dia, houve 1,7 mil cancelamentos de voos e 23,9 mil atrasos no mundo – trata-se do maior volume desde o início da pandemia, conforme dados da plataforma de rastreamento de voos FlightAware.

Pressionado, TikTok elimina perfis de crianças

O TikTok garante que está sendo mais rigoroso com perfis abertos por crianças. Depois de ser pressionada por pais, a plataforma diz ter removido 20,2 milhões de perfis pertencentes a menores de 13 anos. Também foram eliminados 20,8 milhões de contas falsas. A medida é necessária: estudos recentes mostram que as redes sociais prejudicam a formação de jovens. Criado em 2016, o TikTok tem atualmente uma média mensal de 1 bilhão de usuários, o que o coloca entre as redes sociais mais populares.

US$ 380

poderá ser o preço do barril de petróleo brent no “cenário mais extremo” – ou seja, caso a Rússia reduza significativamente a sua produção.  A projeção do banco americano JP Morgan significaria um aumento de 250% em relação à cotação atual

RAPIDINHAS


  • O mercado de saúde passa por intenso processo de consolidação. Mais um exemplo desse movimento: a administradora de planos de saúde Qualicorp comprou, por valor não revelado, a carteira composta por 6,7 mil vidas do Grupo Clube Care. No primeiro trimestre, a Qualicorp tinha 1,68 milhão de vidas participantes de seus planos de adesão.

  • A rede mineira de livrarias Leitura, a maior do Brasil, está feliz da vida com os resultados de 2022. No primeiro semestre, as vendas cresceram 50% em relação ao mesmo período no ano passado. De acordo com a empresa, uma das explicações para o desempenho é o aumento expressivo da procura por livros infantis e juvenis.

  • O Grupo Ambipar, especializado em gestão ambiental, criou uma empresa de certificação. Trata-se da Ambipar Certification, que concederá um Selo Verde para empresas que adotarem boas práticas sustentáveis. Segundo a Ambipar, o selo será validado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

  • As operadoras de viagens esperam movimentar R$ 175 milhões com a venda de voos e pacotes para a Copa do Catar, que será realizada no final do ano. Se a previsão da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) se confirmar, representará um salto de 70% em relação aos negócios gerados na Copa da Rússia, em 2018.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade