Publicidade

Estado de Minas

Marjorie Estiano revela que substituir Drica Moraes foi ''uma loucura''

Apesar de ter vivido a vilã Cora na primeira fase de ''Império'', atriz lembra que retornar à trama de Aguinaldo Silva foi desafiador


25/07/2021 04:00

Marjorie Estiano foi pega de surpresa quando teve de substituir Drica Moraes como Cora em “Império”, reprise das 21h da Globo. A atriz havia interpretado a mesma personagem na primeira fase da trama de Aguinaldo Silva, mas não imaginava que voltaria ao folhetim por conta de um problema de saúde da outra intérprete. Afinal, sem voz, Drica não tinha condições de gravar uma das cenas mais aguardadas: a da tentativa da vilã de uma noite de sexo com José Alfredo (Alexandre Nero).

"Esse retorno de fênix à novela foi muito marcante. Nunca imaginei que aconteceria. Entrei no susto, em um momento tão revelador da personagem, e eis que chego no tal encontro com o Comendador. Tinha feito alguns capítulos no início, mas era um elenco diferente. Retornar foi uma loucura. Lembro da exaustão que era conseguir pegar esse trem andando", recorda Marjorie.

Na trama, Cora troca a perda da virgindade com o Comendador pelos quatro pedaços do diamante rosa. Mais esperto que ela, José Alfredo dopa a vilã e consegue os fragmentos da pedra preciosa de volta, sem transar com a tia de Cristina (Leandra Leal).

Marjorie teve de se apegar à construção feita para a personagem na primeira etapa da história e, a partir daí, desenvolvê-la em cena. "Meu fio condutor era fazer a Cora que eu já conhecia. No primeiro momento, as pessoas estranharam. Mas depois foram se envolvendo pela ficção, por essa personagem que perseguia uma noite de sexo com o Comendador. O público compreendeu que foi uma necessidade técnica: uma atriz precisou se ausentar e outra substituiu, mas isso não é tão comum", conta.

CANTORA

Na época em que foi chamada às pressas para voltar à novela, Marjorie estava se preparando para promover a turnê do seu terceiro álbum, “Oito”. Então, os planos de divulgação do disco foram afetados. Mesmo assim, ela assumiu a responsabilidade de seguir como Cora no ar e foi tranquilizada por uma conversa com Drica Moraes.

"Caiu como uma bomba no meu colo. Fiquei apavorada pelo fato de ter um disco para levar e saber que isso não ia acontecer junto com uma novela, mas não tinha alternativa. Então, falei com a Drica e ela me disse que ficou feliz de eu poder retomar a personagem", revela.

Com a reprise de “Império”, Marjorie conseguiu relembrar o momento importante de amadurecimento profissional que viveu entre 2014 e 2015. "Aos poucos, fui me sentindo mais à vontade, encontrando meus alicerces. Tive um aprendizado imenso, avancei na percepção dos meus recursos como atriz em cena. Foi uma história com final feliz. Fiquei muito satisfeita, mas espero não precisar fazer de novo."

Atriz também está no ar como Manuela de ''A vida da gente'' e contracena com Iná (Nicette Bruno)(foto: Renato Rocha Miranda/globo)
Atriz também está no ar como Manuela de ''A vida da gente'' e contracena com Iná (Nicette Bruno) (foto: Renato Rocha Miranda/globo)

OUTROS PAPÉIS

Além de estar no ar em “Império”, a atriz também vive Manuela em “A vida da gente”, exibida na faixa das 18h na Globo e na qual contracenou com Nicette Bruno (Iná), que morreu vítima de COVID no ano passado.

Marjorie também está preparando para nova temporada do drama médico “Sob pressão”. Na série global, a atriz vive Carolina e divide o protagonismo com Julio Andrade (Evandro). A previsão de estreia dos novos episódios é 12 de agosto. (Estadão Conteúdo)


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade