Publicidade

Estado de Minas SÉRIE

Preconceitos e segredos na rotina escolar


postado em 01/09/2019 04:00

Elite mostra estudantes tendo que lidar com o assassinato de aluna e o abismo entre ricos e pobres(foto: Manuel Fernandez Valdes/Netflix)
Elite mostra estudantes tendo que lidar com o assassinato de aluna e o abismo entre ricos e pobres (foto: Manuel Fernandez Valdes/Netflix)
 
As aulas no colégio Las Encinas vão recomeçar a partir de 6 de setembro, na Netflix, quando o elenco da série espanhola Elite volta a se reunir – menos a atriz María Pedraza, a rebelde Marina, que foi assassinada por um de seus colegas na primeira temporada. Os estudantes tentarão retomar a rotina escolar, em meio às investigações do caso da morte da jovem. Mas será difícil manter a normalidade e as aparências com tantos segredos, rusgas, preconceitos, raiva e amor não correspondido envolvendo os personagens em uma trama emaranhada. Cada vez mais, o abismo entre os ricos e os pobres dali se aprofundará.

Novos alunos vão dar as caras pelos corredores da prestigiada instituição. A pernóstica e arrogante Lu (Danna Paola) ganhará um aliado em Valerio (Jorge López). E a combativa Rebeca (Claudia Salas) vai engrossar o coro dos menos favorecidos.

Muitos pontos deixados soltos poderão se esclarecer. Nano (Jaime Lorente, o Denver de La Casa de Papel) conseguirá se livrar da injusta acusação de ter matado Marina? E seu irmão, o doce Samuel (Itzan Escamilla), vai perdoá-lo por ter engravidado a garota pela qual se apaixonou? Omar (Omar Ayuso) e Ander (Arón Piper) poderão escancarar sua relação a todos ou continuarão a se encontrar às escondidas? Guzmán (Miguel Bernardeau), enfim, assumirá seu amor por Nadia (Mina El Hammani)? E Christian (Miguel Herrán), Carla (Ester Expósito) e Polo (Álvaro Rico) seguirão com o tórrido romance a três?

SEXO

Sobre as cenas de sexo entre Carla, Polo e Christian, que esquentaram os primeiros episódios, Miguel Herrán, o Río de La Casa de Papel, comentou que tudo se deu depois de muita conversa entre os três – e após todos se sentirem à vontade. "Afinal, somos colegas, trabalhando em um ambiente respeitoso, profissional. Faz parte da atuação, não foi nada demais", disse ele, à equipe do ePik, do site espanhol AS.com. Ester revelou que, nessas sequências, poucos profissionais ficaram no estúdio. Isso para ajudar os atores a se sentirem mais relaxados. Já Jaime Lorente contou que, como suas aparições mais picantes na série foram com María Pedraza, sua namorada na vida real, a confiança foi total. (Estadão Conteúdo)

  • ELITE
  • Estreia: 6 de setembro
  • Segunda temporada
  • 8 episódios
  • Netflix


Publicidade