Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Interatividade no ar

Com novo formato, cenário e horário, Brasil das Gerais tem a missão de servir de %u2018companhia%u2019 para os telespectadores. Quadros de gastronomia são outra novidade do programa mineiro


postado em 17/02/2019 05:09

Patricia Pinho, que está à frente do Brasil das Gerais desde 2016, quer que o programa seja útil para as pessoas (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Patricia Pinho, que está à frente do Brasil das Gerais desde 2016, quer que o programa seja útil para as pessoas (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)


No próximo sábado (23), um dos programas mais longevos da Rede Minas, o Brasil das Gerais, comemora 20 anos. Naquele fevereiro de 1999, a jornalista Roberta Zampetti trazia a cada dia, na faixa noturna do canal, uma temática que era discutida com convidados. Em 2016, ela deixou a atração para se dedicar a um projeto pessoal, o Sou 60, que trata do envelhecimento de forma aberta e corajosa. Quem assumiu a missão foi Patrícia Pinho, que já tinha passado por vários programas da casa, como Agenda, Leila entrevista e Na rede com Tostão. “Entre idas e vindas, estou há 16 anos na Rede Minas. Já havia substituído a Roberta quando ela estava de férias e, quando surgiu esse convite, foi muito bacana. O Brasil das Gerais é muito querido pela emissora e pelos telespectadores”, afirma Patrícia.

Desde 4 de fevereiro, o BG – como é carinhosamente chamado pela produção – ganhou cenário, formato e horários novos. Depois de praticamente duas décadas à noite ou no fim da tarde, o programa passou a ser exibido de segunda a sexta, das 11h às 11h45. E sempre ao vivo, como ocorre desde o início. A apresentadora conta que as mudanças vieram após uma série de pesquisas realizadas com o público. O programa de reestreia, aliás, contou com depoimento de Roberta Zampetti e um VT com os melhores momentos desde a estreia.

“A escolha pelo horário da manhã veio de uma demanda da audiência. A gente queria esse formato de um programa voltado para pessoas – sejam homens ou mulheres – que estivessem dando um jeito na casa, preparando o almoço ou arrumando os filhos para a escola. Como se fosse uma companhia mesmo”, explica.

Não há mais um tema único, como sempre foi a tônica. Vários assuntos são abordados ao longo dos 45 minutos da atração. Saúde, qualidade de vida, economia doméstica, estética e comportamento, sempre com a presença de especialistas. “Virou revista diária. São coisas do dia a dia e muita utilidade também. O programa está bem mais leve e dinâmico. Mesmo com pouco tempo dessas novidades, já sentimos o ótimo retorno dos telespectadores”, ressalta Patrícia.

Ela destaca que, além de o novo BG se alinhar com seus próprios interesses e momento de vida – Patrícia é mãe de dois filhos e está cada vez mais antenada com as questões do cotidiano –, a Rede Minas já vislumbrava alterações em sua grade, sobretudo, na faixa matinal. “A ideia era dar um incremento na manhã, que praticamente só exibia desenhos animados. E como teve esse gancho do aniversário, calhou de dar certo”, frisa.

O Brasil das Gerais – antes praticamente focado no estúdio – ganhou reportagens na rua comandadas por Daniela Murad, que também assina outra novidade, os quadros de gastronomia. “É um eixo importante do programa. Todo mundo tem gostado. Não poderia faltar”, pontua. Ainda estão na equipe Danielle Domingos, que assina a direção, Simone Rego e Charles Souza (roteiro) e a produtora Alessandra Prenassi, que, inclusive, está no programa desde o início.

SALA DE ESTAR

O cenário ganhou upgrade e foi todo remodelado. “Está com mais cara de sala de estar, justamente para dar esse tom de casa, de ter essa intimidade e aproximação com quem está assistindo”, revela Patrícia Pinho. E as novidades não param por aí. O programa – que é exibido também ao vivo no site da emissora e tem seus episódios disponibilizados posteriormente no canal da Rede Minas no YouTube – deve fechar parceria com a Secretaria Estadual de Saúde para ser exibido nos televisores dos postos de saúde. “Isso vai casar com um dos nossos objetivos, que é ampliar o nosso público, falar com todas as classes sociais. E também mostrar coisas bacanas de todo o estado, pois o sinal da Rede Minas vai praticamente para toda Minas Gerais. Temos também as emissoras colaboradoras do interior, que estão nos enviando muito material interessante”, informa a apresentadora.

Para Patrícia, o segredo da longevidade do Brasil das Gerais se explica por ele falar o que as pessoas querem ouvir. E sempre aliando informação com interatividade e leveza. “É um bate-papo informativo, mas descontraído, e vai ao encontro da alma do mineiro. Desde a época da Roberta, sempre nos preocupamos em dar voz às pessoas. Isso é uma marca. Vamos investir mais ainda nela com o novo formato. E, em breve, a gente vai ter mais boas novas. Aguardem!”.

BRASIL DAS GERAIS
De segunda a sexta, ao vivo, às 11h às 11h45
Rede Minas. Transmissão também pelo site: www.redeminas.tv

Outras novidades

Além do Brasil das Gerais, a Rede Minas trouxe outras mudanças. O jornal Minas em Rede está em novo horário e com mais tempo para trazer as notícias do estado, dando destaque ao interior. O jornal vai ao ar de segunda a sexta, das 8h às 8h30. Já o Opinião Minas, que entra em seguida sob o comando da jornalista Érica Vieira, foi repaginado. Cada edição aborda assuntos com um especialista, que comenta e aprofunda o seu ponto de vista em conversas que vão além do fato e da notícia. O resultado é a construção de diversos olhares sobre um acontecimento. A abordagem não se atém a um único programa, podendo ser estendida a outras discussões durante a semana.


Publicidade