Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Inscrições rupestres


postado em 25/12/2018 05:08

Serra de Santo Antonio, que guarda riqueza em pinturas datadas de 3.500 anos feitas por povos primitivos(foto: Beto Novaes/EM/D.A Press %u2013 26/5/11)
Serra de Santo Antonio, que guarda riqueza em pinturas datadas de 3.500 anos feitas por povos primitivos (foto: Beto Novaes/EM/D.A Press %u2013 26/5/11)

 

 

Pertencente ao Circuito Turístico Montanhas Mágicas da Mantiqueira, Andrelândia se sobressai pelo Parque Arqueológico da Serra de Santo Antônio, com suas famosas inscrições rupestres de 3 mil anos. São cerca de 650 figuras geométricas e zoomorfas, dispostas ao longo de cerca de 50 metros de um enorme paredão rochoso, pintadas nas cores vermelho, amarelo e branco, em um local abrigado da ação da chuva e do vento. Há evidências de terem sido feitas em pelo menos três épocas diferentes.
O parque conta com diversas grutas, trilhas na mata e nascentes de pequenos mananciais, o que acaba contribuindo com o ecoturismo da cidade e municípios de sua região. Tem área de reflorestamento com quatro hectares. Situado a cinco quilômetros do Centro de Andrelândia, o parque contém diversos mirantes e formações rochosas intrigantes. O local dispõe de um centro de recepção de visitantes e trilhas sinalizadas para seus principais atrativos.

Serviço:


Cachoeira do Apiário: Queda d’água proveniente do Rio Capivari, está a 30 quilômetros de Andrelândia. Tem uma queda grande e com muito volume de água seguida de poços, corredeiras e um escorregador natural. Umas das cachoeiras mais visitadas da região, é ótima para um dia tranquilo com a família.


Cachoeira das Bicas: No local
há um tobogã natural de aproximadamente 50 metros, que acaba em uma queda d’água de 2 metros e uma piscina natural, ideal para banho.

Gruta dos Novatos: A gruta de trajeto complicado é o primeiro desafio para ver as pinturas rupestres. Trata-se de uma fenda rochosa com cerca de 12 metros de extensão por onde todo novato na exploração da área tem que enfrentar.

Pedra Itapira: O nome dessa formação rochosa significa “pedra inclinada” e é literalmente uma pedra inclinada, em que se pode tirar uma foto engraçada sustentando o seu peso. Já pensou em ser o incrível Huck por alguns minutos?

Pedra do Gavião: É um mirante de 1.150m de altitude. Lá de cima é possível ter uma visão privilegiada do parque e do paredão de pedra.

Pedra dos Amores: É o ponto mais alto do parque, com 1.212m de altitude.

* Estagiário sob a supervisão
da editora Teresa Caram


Publicidade