Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Charme histórico

Construções barrocas, arte rupestre e riquezas naturais dão vida à cidade mineira


postado em 25/12/2018 05:08

Sobrado do Barão do Cabo Verde, construído em 1835 (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press %u2013 27/5/08)
Sobrado do Barão do Cabo Verde, construído em 1835 (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press %u2013 27/5/08)



Localizada no Sul de Minas, Andrelândia é conhecida pelos casarões coloniais, igrejas de estilo barroco, belas cachoeiras, serras e grutas. Um mix de belezas naturais e riquíssimas construções históricas, a cidade encanta muitos turistas. Graças à biodiversidade de seus arredores, Andrelândia – distante 293 quilômetros de Belo Horizonte – faz parte do Circuito das Montanhas Mágicas, na Serra da Mantiqueira, em que há muitas opções de lazer e aventuras ecológicas. Na cidade é possível ver paisagens deslumbrantes, artes históricas e uma flora diversificada de causar inveja.

As igrejas no estilo barraco trazem uma memória da tradição arquitetônica da época da fundação da cidade. A Igreja de Nossa Senhora do Porto da Eterna Salvação, no Centro do município, é imponente. Datada do século 18, passou por algumas reformas e modificações. A Igreja de Nossa Senhora do Rosário foi construída pelos escravos da Irmandade do Rosário em 1817 e tem uma pintura em seu forro que impressiona. Destoando do estilo barraco, a Igreja de São Benedito foi inaugurada em 27 de setembro de 1936 e permaneceu dedicada ao padroeiro São Benedito até a derrubada da capela e construção da atual igreja, em 15 de dezembro de 1989. A arquitetura é moderna, imitando a mão do papa João Paulo II.

ESTILO COLONIAL Os charmosos casarões, sobrados e fazendas guardam resquícios dos primeiros moradores da cidade sulista. Muitas dessas construções estão completamente preservadas e o Centro da cidade é uma obra de arte única do estilo colonial brasileiro. Andrelândia tem imóveis construídos nos séculos 17 e 18 que são patrimônio histórico tombados pelos Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Destaque para o Sobrado do Barão do Cabo Verde, construído em 1835 pelo barão do Cabo Verde, Antonio Belfort de Arantes. Hoje, a construção funciona como a Fundação Guaíra, que desenvolve projetos e traz benefícios para Andrelândia e região.


Além disso, o artesanato é uma das formas mais exponenciais da expressão cultural andrelandense. Quem visita a cidade pode encontrar algumas lojas com produções artesanais. As peças decorativas são feitas com matérias-primas regionais e criadas de acordo com a cultura e o modo de vida local. As festas religiosas, como a festa de São Sebastião, folia de reis e a festa de São Benedito também são destaques para a identidade local.


Publicidade