UAI
Publicidade

Estado de Minas EM ENTREVISTA

Boulos diz que Bolsonaro sonha com golpe: 'Quer parecer como valentão'

Líder do PSOL crê que 'Forças Armadas não vão embarcar em aventura de Bolsonaro' e chama presidente da República de 'desesperado, medroso e cagão'


24/05/2022 16:15 - atualizado 24/05/2022 17:34

Guilherme Boulos
Guilherme Boulos sobre Bolsonaro: 'Tem medo de ser preso e ter os filhos como companheiros de cela' (foto: Portal UAI/Reprodução)
O presidente da federação Psol/Rede e pré-candidato a deputado federal por São Paulo, Guilherme Boulos (Psol), chamou o presidente Jair Bolsonaro (PL) de “bundão”. A declaração foi dada no podcast EM Entrevista, do Estado de Minas, nesta terça-feira (24/5).

Questionado sobre os posicionamentos do presidente, que vem atacando os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e insistindo que as eleições presidenciais de 2018 foram fraudadas, Boulos afirmou que Bolsonaro sonha com um golpe.
 

Questionado sobre os posicionamentos do presidente, que vem atacando os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e insistindo que as eleições presidenciais de 2018 foram fraudadas, Boulos afirmou que Bolsonaro sonha com um golpe.

Leia mais no uai.com.br/ em.com.br

SE INSCREVA EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

Siga o Portal UAI nas redes sociais:
Instagram - @estadodeminas
Twitter - @portalUai / @em_com" />

“Não é segredo para ninguém que Bolsonaro faz ameaça golpista todos os dias. Ele fala da urna. Fala que não vai aceitar ser derrotado. Fala sobre o AI-5… toda hora fica fazendo alusão ao Exército e cita um discurso antidemocrático”, afirma. “Quando eu digo que temos que ganhar nas urnas e nas ruas é porque precisamos ter uma iniciativa da sociedade de sufocar qualquer alarme golpista”.

Para Boulos, as falas de Bolsonaro são "inadmissíveis”. “Que ele quer, eu não tenho dúvida [dar um golpe]. Porque ele não deu o golpe? Porque as Forças Armadas não vão embarcar numa aventura de Bolsonaro”.

LEIA TAMBÉM:
Boulos mantém apoio a Lula mesmo discordando de aliança com Alckmin


De acordo com o líder do Psol, Bolsonaro se mostra desesperado com a perda de apoio no Brasil, porém quer “parecer como valentão”. “Ele é um medroso. Um cagão. Fugiu de debate até durante a campanha. Ele tem um medo daqueles de ser preso e ter os filhos como companheiros de cela”.

Boulos concedeu entrevista ao Estado de Minas nesta terça-feira (24/5). Ele está em Belo Horizonte para lançar o livro 'Sem Medo do Futuro' e participar da pré-candidatura da vereadora Bella Gonçalves (Psol) a deputada estadual.
 
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade