UAI
Publicidade

Estado de Minas ENTREVISTA

Boulos mantém apoio a Lula mesmo discordando de aliança com Alckmin

Presidente da federação PSOL/Rede discordou da aliança entre Lula e Alckmin, porém afirmou se tratar da melhor escolha em razão do grave momento no Brasil


24/05/2022 15:45 - atualizado 24/05/2022 17:20

Boulos
Guilherme Boulos (PSOL) (foto: PORTAL UAI/REPRODUÇÃO)

O presidente da federação Psol/Rede, Guilherme Boulos (Psol), afirmou que fará campanha em prol do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mesmo discordando da aliança com o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSB). Na opinião dele, a chapa é a melhor escolha para o Brasil.

“Eu fui um dos primeiros a ser contra uma chapa. Isso quando começou um possível ruído. Eu cheguei a falar isso para o Lula. Eu sou de São Paulo, eu sei como foi”, disse Boulos, em participação no podcast EM Entrevista, do Estado de Minas, nesta terça-feira (24/5).
 

Leia mais no uai.com.br/ em.com.br

SE INSCREVA EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

Siga o Portal UAI nas redes sociais:
Instagram - @estadodeminas
Twitter - @portalUai / @em_com" />
 

Para Guilherme, o país vive um momento “muito grave” e por isso a coalizão precisa ser respeitada. “A gente precisa ter consciência. Existem diferenças”. Segundo o político, o Psol precisou fazer uma aliança “programática” com o ex-presidente.

Boulos concedeu entrevista ao jornal Estado de Minas nesta terça-feira (24/5). Ele está em Belo Horizonte para participar do lançamento da pré-candidatura da vereadora Bella Gonçalves (Psol) a deputada estadual.

Na eleição presidencial de 2018, Guilherme Boulos ficou em 10º, com 617.122 votos (0,58%). Em 2020, ele concorreu à prefeitura de São Paulo e teve bom desempenho nas urnas: 1,08 milhão de votos no primeiro turno (20,24%) e 2,1 milhões no segundo turno (40,62%). Bruno Covas (PSDB) ganhou o pleito com 59,38% (3,1 milhões).


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade