UAI
Publicidade

Estado de Minas ELEIÇÃO ESTADUAL

Kalil sobre milionários mineiros: 'Elite estúpida e ignorante'

Ex-prefeito de Belo Horizonte criticou passividade de poderosos ante as desigualdades sociais; Kalil vai disputar o governo contra Romeu Zema


23/05/2022 13:00 - atualizado 23/05/2022 17:09

O ex-prefeito de BH Alexandre Kalil fala ao microfone durante o EM Entrevista, podcast do Estado de Minas e Portal Uai
Alexandre Kalil vai disputar o governo mineiro pelo PSD (foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)
O pré-candidato do PSD ao governo mineiro, Alexandre Kalil, criticou nesta segunda-feira (23/5) o que chamou de "elite estúpida e ignorante". Ele comparou a ausência de ajuda à população em situação de vulnerabilidade social a um cenário de retirada de privilégios das classes mais abastadas.

"Se não tiver emprego, não pode deixar o povo passando fome. Não pode comer sopa de osso, cozinhar no fogão a lenha ou se queimar com álcool. Não se pode ver uma criança sem um pedaço de carne para comer", disse, durante participação no "EM Entrevista", podcast do Estado de Minas e do Portal Uai.

 


"Se não tiver emprego, não pode deixar o povo passando fome. Não pode comer sopa de osso, cozinhar no fogão a lenha ou se queimar com álcool. Não se pode ver uma criança sem um pedaço de carne para comer", disse, durante participação no "EM Entrevista", podcast do Estado de Minas e do Portal Uai.

Leia mais no uai.com.br/ em.com.br

SE INSCREVA EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

Siga o Portal UAI nas redes sociais:
Instagram - @estadodeminas
Twitter - @portalUai / @em_com" />
 


"Essa elite estúpida e ignorante, que é pouca, e não é toda. É [como] virar a eles e falar: sua casa vai ficar quatro anos sem televisão e ar-condicionado, você vai andar a pé e vão tomar o seu carro. 'Ah, não tem problema, sou muito altruísta'. É isso o que estão fazendo com o povo de Minas e do Brasil", continuou, defendendo medidas como programas de transferência de renda e a entrega de cestas básicas.



Na semana passada, à sucursal da TV Alterosa na Zona da Mata e do Campo das Vertentes, Kalil já havia dito que o governo de Romeu Zema (Novo) encontra defesa no que também chamou de "elite estúpida". Hoje, seguiu tom semelhante.

"Sou humano e tenho coração. Isso me torna um político um pouco melhor. O bom político é o que cuida da pobreza", pontuou. "Tem que falar da cervejinha, sim. É importante ir para a laje e queimar uma carne."


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade