UAI
Publicidade

Estado de Minas 'ESSA GENTE SÓ ENTENDE ESSA LINGUAGEM'

Renan Calheiros chama Queiroga de 'ogro' e defende nova CPI da COVID

De acordo com o senador, que foi relator da CPI, uma nova investigação é 'imperiosa'


26/01/2022 16:40 - atualizado 26/01/2022 17:14

Em pronunciamento, à bancada, senador Renan Calheiros (MDB-AL).
Senador Renan Calheiros (MDB-AL) (foto: Pedro França/Agência Senado)
O senador Renan Calheiros (MDB-AL), que foi relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, chamou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, de “ogro” e o culpou de negligenciar a vacinação de crianças.
De acordo com o parlamentar, uma nova CPI deve ser feita.  

“Governo empaca no negacionismo, operado pelo ogro Marcelo Queiroga. Boicotou a vacinação de crianças, provocou a hesitação dos pais, causou  um apagão de dados e até cloroquina recomendaram. São crimes continuados. Uma nova CPI é imperiosa. Essa gente só entende essa linguagem”, escreveu.
 
 

Além de Renan, o líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que foi vice-presidente na CPI da COVID, defendeu a abertura de nova investigação na Casa para apurar a atuação do governo federal na pandemia de COVID.

Há cerca de duas semanas, Randolfe apresentou um pedido para a criação de nova CPI, que já conta com 11 assinaturas. Caso o requerimento alcance 27 assinaturas, o presidente do Senado pode determinar a abertura da comissão.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade