UAI
Publicidade

Estado de Minas REDES SOCIAIS

Eleições 2022: Moro acusa Lula de autoritarismo

Troca de farpas entre ex-juiz e o petista vem esquentando a corrida eleitoral para 2022


21/11/2021 18:19 - atualizado 21/11/2021 18:38

LULA E SERGIO MORO
Lula e Moro (foto: AFP/Reprodução)
O pré-candidato à presidência e ex-juiz Sergio Moro (Podemos), usou as redes sociais para publicar críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O ex-ministro compartilhou uma notícia que repercutia fala do petista, dizendo que Moro 'sem toga' era 'candidato como ele'.

LEIA TAMBÉM: De juiz reservado a possível candidato: relembre a vida política de Moro

"Antes, o PT elogiou as eleições na Nicarágua, onde os opositores foram presos. Agora, é o Lula quem minimiza a repressão contra protestos na ditadura cubana e critica os Estados Unidos, uma democracia. Não dá para flertar com o autoritarismo", postou Moro.

O ex-juiz e ex-ministro da Justiça no governo Bolsonaro ficou conhecido por comandar, entre março de 2014 a novembro de 2018, em primeira instância, os processos relacionados aos crimes identificados na Operação Lava-Jato, envolvendo grande número de políticos, empreiteiros e empresas.

O ex-juiz foi o responsável pela prisão de Lula em 2018. Essa não é a primeira vez que o petista acusa Moro de interferir na política com interesses ideológicos.

Lula ainda não é pré-candidato para eleições de 2022 mas, segundo as pesquisas, é apontado como favorito na corrida eleitoral.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade