Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Gentili defende Juliana Paes: 'Virou crime se expressar nas redes sociais'

A global gerou polêmica depois de publicar um vídeo afirmando que a esquerda tem 'delírios comunistas' e a direita tem 'ideais arrogantes'


04/06/2021 17:54 - atualizado 04/06/2021 18:21

Humorista defendeu atriz nas redes(foto: Redes Sociais/Reprodução)
Humorista defendeu atriz nas redes (foto: Redes Sociais/Reprodução)
O humorista e apresentador Danilo Gentili saiu em defesa da atriz Juliana Paes nesta sexta-feira (4/6). A atriz global gerou polêmica depois de publicar um vídeo afirmando que a esquerda tem "delírios comunistas” e a direita tem "ideais arrogantes”.

Leia: Juliana Paes critica perguntas a Nise na CPI: 'Show de horror e boçalidade'


Segundo o humorista, “virou crime” se expressar nas redes sociais “como uma pessoa comum e não como um militante”.



Na postagem, a artista fez um desabafo após as críticas sofridas nas redes sociais e defendeu a médica Nise Yamaguchi sobre as interrupções em seu depoimento durante a participação na CPI da COVID.

A atriz também falou sobre a polarização da política e sobre a radicalização da esquerda e direita. “Estamos vivendo um dos momentos mais nebulosos. O mundo inteiro está angustiado. Qualquer assunto é politizado. É um maniqueísmo. Eu não sou bolsominion, como adoram acreditar”, afirmou.

Juliana destacou que a polarização presente nas redes sociais não é saudável para as decisões importantes a serem tomadas no Brasil, que não se sente representada por ninguém no cenário político, e disse sempre pedir pela vacina contra a COVID.

*Estagiária sob supervisão da subeditora Jociane Morais 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade