Publicidade

Estado de Minas COMITIVA BRASILEIRA

VÍDEO: Ernesto Araújo é advertido por não usar máscara em Israel

O ministro das Relações Exteriores está no país para conhecer o spray nasal, que está em fase de testes para combater o coronavírus


07/03/2021 13:17 - atualizado 07/03/2021 14:37

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, está em Israel neste domingo (7/3) para conhecer spray nasal em testes para combater o coronavírus. O chanceler, que não tem costume de utilizar a máscara de proteção contra a doença, foi advertido por autoridades locais.

“Nós precisamos que coloque a  máscara”, alertar o locutor do evento antes de convidar o chanceler brasileiro para tirar uma foto com o ministro israelense, Gabi Ashkenazi. O vídeo compartilhado pelo jornalista Sam Pancher, mostra o momento que Ernesto foi advertido.
 
Ernesto Araújo e Bolsonaro antes de embarcar para Israel(foto: Alan Santos/PR)
Ernesto Araújo e Bolsonaro antes de embarcar para Israel (foto: Alan Santos/PR)
 
 
Antes de embarcar para Israel, toda comitiva brasileira foi fotografada sem máscaras, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que abomina o uso do protetor indicado pela ciência.
 

Ao chegar ao país, a delegação brasileira se viu "obrigada" a cumprir os rígidos protocolos da nação israelense ainda no desembarque. Além disso, outro protocolo exigido pelos israelenses foi o de distanciamento social. Antes da cerimônia foi solicitado o cumprimento da regra nas cadeiras do auditório. “Mantenham distanciamento social, talvez 1 ou 2 assentos entre cada 1”, disse. 
 
Em Israel, Ernesto lidera a comitiva brasileira, ao lado do filho do presidente, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para conhecer o spray nasal que está em fase de teste para medicamento de combate à COVID-19. 
 
 
“Como é para ser usado em quem está hospitalizado, quem está em UTI, eu acho que não tem problema nenhum usar esse spray no nariz do cara. O que é esse spray? Não sei, mas o que acontece: esse produto, há 10 anos, estava sendo investigado, estava sendo estudado para outro tipo de vírus”, explicou o presidente.
 
Ao comentar o resultado de testes preliminares do medicamento, Bolsonaro disse que “parece que é um produto milagroso”.  De acordo com ele, o spray, que carece de estudos aprofundados, também não apresenta efeito colateral.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade