Publicidade

Estado de Minas VISITA

Em encontro em Uberlândia, Bolsonaro recebe pedido de ajuda de prefeito

Pedido por mais leitos COVID-19 já havido sido enviado para o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em pelo menos duas oportunidades, sem retorno


04/03/2021 13:59 - atualizado 04/03/2021 17:09

Prefeito Odelmo Leão (PP) e presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em Uberlândia(foto: Reprodução/Redes Sociais)
Prefeito Odelmo Leão (PP) e presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em Uberlândia (foto: Reprodução/Redes Sociais)
Em passagem por Uberlândia, no Triângulo Mineiro, o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) teve uma rápida agenda com o prefeito Odelmo Leão (PP) e empresários da cidade, ainda no aeroporto, na manhã desta quinta-feira (4/3). Ele recebeu demandas da saúde local, que precisa de recursos para ampliação de atendimento e vacinação. A imprensa não pôde participar do encontro.

De acordo informações extraoficiais, Leão passou diretamente ao presidente o pedido de ajuda para criação de leitos principalmente no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU), unidade de saúde referência em atendimento de alta complexidade na região.

“Na manhã desta quinta, me encontrei com o Presidente Jair Bolsonaro e pude falar com ele, pessoalmente, sobre as demandas que nossa gente e toda a região precisam”, disse o prefeito em redes sociais.

Inclusive, essa é uma demanda que já foi enviada para o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em pelo menos duas oportunidades e não houve retorno até onde se sabe. O mesmo ofício foi enviado à secretaria de Estado de Saúde, pedindo mais recursos e estrutura ao Município.

O encontro de Bolsonaro e Leão foi cordial e não há ainda uma resposta oficial resposta do Governo Federal. No ano passado, a prefeitura de Uberlândia recebeu R$ 76 milhões da União, que segundo o prefeito, uma parte foi para atendimento e criação de estrutura para pacientes com COVID-19 e outra de reposição de caixa.

Jair Bolsonaro ia para a cidade de São Simão (GO) e desembarcou inicialmente em Uberlândia antes de seguir para a cidade goiana, onde inaugura trecho a ferrovia Norte-Sul.

Pito nos apoiadores


Em um vídeo que circula pela internet, Jair Bolsonaro faz um discurso sobre o prefeito de Uberlândia e é interrompido por apoiadores que o esperavam no aeroporto local. Em determinado ele é interrompido por uma pessoa que diz “Odelmo só rouba”. O presidente, então, diz que Odelmo é um velho conhecido dele e que todos têm defeitos, o próprio presidente inclusive.

Bolsonaro salienta que o momento é difícil e que ficou feliz com a recepção em Uberlândia. Mais uma vez é interrompido por apoiadores, que criticavam o prefeito. “Se for para protestar eu vou embora”, diz o presidente com insatisfação ao mesmo tempo em que tem apoio de outras pessoas presentes.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade