Publicidade

Estado de Minas CORONAVÍRUS

Militar contrário à OMS e Coronavac está na UTI com COVID-19

O tenente-coronel da reserva Jorge Luiz Kormann foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para aparelhar a Anvisa


09/01/2021 10:30 - atualizado 09/01/2021 11:30

O tenente-coronel da reserva Jorge Luiz Kormann(foto: Reprodução/Twitter )
O tenente-coronel da reserva Jorge Luiz Kormann (foto: Reprodução/Twitter )

O tenente-coronel da reserva Jorge Luiz Kormann, militar indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para assumir vaga na diretoria da Anvisa, está internado na UTI com COVID-19. A informação é do Valor Econômico.

Atualmente, Jorge Luiz Kormann é secretário-executivo adjunto no Ministério da Saúde.
No Twitter, o militar endossa mensagens contrárias à Organização Mundial da Saúde (OMS) e também críticas à Coronavac, vacina contra a COVID-19 que está sendo desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantã.

Jorge Luiz Kormann também curtiu no Twitter publicação do empresário Leandro Ruschel, que afirmava: "Todo mundo sabe que o Doria é o 'China Boy'. Mas nessa história da vacina, tá ficando até constrangedor".

O militar mostrou ainda apoio a publicações do escritor Olavo de Carvalho, tido como guru do bolsonarismo. Segundo fontes que acompanham os trabalhos da Saúde, Kormann é fiel seguidor de ideias de Bolsonaro, como o uso do "kit-covid", tratamento que usa medicamentos sem eficácia comprovada contra a pandemia, como a hidroxicloroquina. 

No Twitter também há interações com o vereador no Rio Carlos Bolsonaro (Republicanos), e com o próprio presidente em defesa da hidroxicloroquina. Em setembro, ele curtiu vídeo do presidente no Twitter que acompanhava a mensagem: "Milhares de vidas poderiam ter sido salvas caso a HQC não tivesse sido politizada". (Com Estadão Conteúdo)


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade