Publicidade

Estado de Minas ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL

Com prefeito interino, Mariana tem apenas quatro secretários definidos

Sem prazo para montar sua equipe, presidente da Câmara e prefeito interino, Juliano Duarte, ainda busca nomes para o comando das secretarias


05/01/2021 15:31 - atualizado 05/01/2021 17:37

 
Prefeito em exercício, Juliano Duarte ocupa a chefia do Executivo municipal enquanto o TSE analisa recurso do prefeito eleito Celso Cota(foto: Foto: Reprodução/facebook)
Prefeito em exercício, Juliano Duarte ocupa a chefia do Executivo municipal enquanto o TSE analisa recurso do prefeito eleito Celso Cota (foto: Foto: Reprodução/facebook)
prefeito interino de Mariana, Região Central de Minas Gerais, Juliano Duarte, do Cidadania, assumiu o mandato na prefeitura sem ter passado pelo processo de transição de governo. Com isso, das 16 pastas que compunham o secretariado da cidade na última gestão, apenas quatro delas têm os representantes escolhidos.
 
Eleito vereador em 2020, Duarte, venceu, em 1º de janeiro, a eleição para a presidência da Câmara Municipal de Mariana e, por isso, ocupa a chefia do Executivo municipal enquanto o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) analisa recurso do prefeito eleito Celso Cota (MDB). A decisão está prevista para 22 de Janeiro. Caso o TSE não aceite o recurso, novas eleições terão de ser convocadas para escolher o prefeito. 

De acordo com Juliano Duarte, haverá mudanças no secretariado da cidade e até o fim desta semana os representantes já serão definidos. “Tive três dias para montar um governo, minha eleição foi em 1° de janeiro e no início é bem complicado.”
 
Até o momento, a única pasta que manteve o nome da última gestão é a da Saúde, com Danilo Brito.
 
Já foi convidado para a Secretaria de Segurança Pública Antônio Marcos Ramos de Freitas. Conhecido como Tenente Freitas, o ex-vereador (2017/2020), já comandou a Guarda Municipal de Mariana e de Ouro Preto. 
 
Outra pasta definida é a de Desenvolvimento Econômico, com o nome de Pedro César de Oliveira, o Pedro Eldorado. 
 
A Secretaria de Governo será comandada por Edvaldo Andrade que já foi secretário de Governo e Relações Institucionais, de 2015 a 2017.  Atualmente, o empresário é coordenador de Relações Institucionais do Fórum Permanente dos Prefeitos do Rio Doce.
 
Se Juliano Duarte preservar a mesma estrutura do prefeito anterior e seu irmão, Duarte Júnior, ainda faltam ser escolhidas as secretarias de Educação; Fazenda; Administração; Controladoria Geral; Cultura, Patrimônio Histórico, Turismo, Esportes e Lazer; Defesa Social; Desenvolvimento Rural; Desenvolvimento Social e Cidadania; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Obras e Gestão Urbana; Planejamento, Suprimentos e Transparência; Procuradoria Geral e Transportes e Estradas Vicinais.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade