Publicidade

Estado de Minas ELEIÇÕES

Mobilidade urbana é um dos desafios para o próximo prefeito de Juiz de Fora

A cidade já passou por 'CPI dos ônibus' devido aos problemas no transporte público


25/11/2020 18:26 - atualizado 25/11/2020 18:52

(foto: População de Juiz de Fora sofreu com paralizações de ônibus em 2020)
(foto: População de Juiz de Fora sofreu com paralizações de ônibus em 2020)
Juiz de Fora, na Zona da Mata, tem a mobilidade urbana como um dos principais problemas para o próximo prefeito e recebem atenção especial dos candidatos Margarida Salomão (PT) e Wilson Rezato (PSB), que disputam, no domingo (19) o segundo turno das Eleições 2020.

Buracos nas ruas e transporte público demandam soluções para um efetivo deslocamento da população.
Devido a vários problemas de administração e execução de serviço no transporte público, a Câmara Municipal de Juiz de Fora realizou, em 2019, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) e um relatório final foi entregue ao Executivo. 

Além disso, este ano, a situação de crise financeira nas empresas de transporte público desencadeou paralisações de rodoviários afetando o serviço à população.

Diante disso, os candidatos a prefeito - que disputam o 2º turno - Margarida Salomão (PT) e Wilson Rezato (PSB) apresentam suas diretrizes para o tema.

Segundo Margarida, a cidade dobrou de tamanho nas últimas décadas e não foi organizada para o atual fluxo de pessoas e veículos. “... Vamos ter que redesenhar e tornar mais ágil e barato o sistema de transporte, incentivar outros modais como ciclovias, ciclorrotas, alargamento de calçadas, promovendo o deslocamento ativo e sustentável”, explica.

Wilson, em seu plano de governo, pretende trabalhar a mobilidade urbana priorizando o humano à frente do urbano; o coletivo à
frente do individual; o público à frente do privado; e o não motorizado à frente do motorizado. Além disso, o candidato pretende fazer uma ciclovia às margens do Rio Paraibuna, desde o Bairro Benfica até o Poço Rico, com cerca de 16 quilômetros de extensão.
 
 

Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia
Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia

Eleições 2020: como votar, datas e horários

O primeiro turno das eleições 2020 será em 15 de novembro e, caso seja necessário no seu município, o segundo turno será realizado em 29 de novembro de 2020. Nestas eleições, o horário de votação é das 7h às 17h. O horário entre 7h e 10h é preferencial para maiores de 60 anos.

Com as novas medidas diante da pandemia do coronavírus, preparamos um guia com tudo que você precisa saber para votar nas eleições 2020.

O que muda nas eleições 2020?

Muitas mudanças foram feitas pela Justiça Eleitoral para os candidatos a prefeito e vereador durante o período eleitoral de 2020. Além disso, os eleitores também terão de se adaptar às novas normas para os dias de votação, como a abertura antecipada das seções eleitorais e as regras de higiene que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).  


Como justificar o voto nas eleições 2020?

Os eleitores poderão optar por justificar o voto de três formas: 
  • No dia das eleições: o eleitor que estiver fora de sua cidade pode justificar a ausência em qualquer local de votação, das 7h às 17h. O eleitor deverá ter o número do título, um documento oficial de identificação e o formulário de justificativa preenchido.

  • Depois das eleições: preenchendo o formulário de justificativa em qualquer cartório eleitoral ou posto de atendimento ao eleitor em até 60 dias após a votação.

  • A justificativa também poderá ser feita pelo celular no aplicativo e-Título.

Eleições 2020 em Belo Horizonte

Na capital mineira, 15 candidatos disputam as eleições para prefeito. Conheça quem são os candidatos e o perfil de cada na corrida rumo à Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Já para vereador, Belo Horizonte conta com mais de 1,5 mil candidatos. Alguns apostaram em apelidos e codinomes bem inusitados para conseguir votos.



Para acompanhar a cobertura completa das eleições em BH, acesse nosso especial

Para saber mais sobre as Eleições 2020 em Minas Gerais, leia também a cobertura completa das eleições na Grande BH e nas regiões Centro-OesteLesteNorteSul de MinasTriângulo Mineiro e Zona da Mata.








receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade