Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Candidato de Bolsonaro em BH defende remédios sem eficácia comprovada para tratar COVID-19

Representante do PRTB, Bruno Engler quer construir clínicas de atenção preventiva em pontos estratégicos da cidade


28/10/2020 08:00 - atualizado 28/10/2020 07:57

Engler quer, ainda, instalar uma policlínica de saúde em cada regional belo-horizontina(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Engler quer, ainda, instalar uma policlínica de saúde em cada regional belo-horizontina (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Bolsonarista, Bruno Engler (PRTB) deseja aplicar o coquetel de remédios encabeçado pela cloroquina para tratar casos do novo coronavírus. Em entrevista ao Estado de Minas, o candidato à Prefeitura de Belo Horizonte disse que os medicamentos — sem eficácia comprovada contra a doença — serão utilizados pela rede municipal de saúde caso ele seja eleito.

“Queremos adotar em Belo Horizonte um protocolo de tratamento precoce da COVID-19 que, onde aplicado, foi um sucesso. Não podemos permitir que, usando a pandemia como plano de fundo, quebremos a cidade. (O protocolo conta) com hidroxicloroquina, azitromicina e zinco, aplicado no Pará e no Sul da Bahia, resultando em menos internações e mortes”, afirmou.

A cloroquina tem sido propagandeada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desde o início da pandemia. Quando contraiu a COVID-19, o chefe do Executivo nacional chegou a garantir ter notado melhoras em seu quadro clínico após começar a ingerir as substâncias.

O envio das doses dos estados citados por Engler também foi defendido ferrenhamente por Bolsonaro. Não há, contudo, evidências científicas que atestam a eficácia dos medicamentos para barrar a infecção.

Policlínicas para fortalecer rede de saúde

Engler quer, ainda, instalar uma policlínica de saúde em cada regional belo-horizontina. A ideia do deputado estadual é utilizar os espaços para diminuir os gargalos causados pelas filas de esperas por consultas especializadas. Ele aproveitou para tecer críticas ao prefeito Alexandre Kalil (PSD).

“Queremos aumentar o investimento em saúde preventiva, pois assim é possível solucionar o problema na ‘raiz’. Queremos colocar policlínicas em cada regional, com à saúde da família e às questões odontológicas. Kalil disse que ia fazer funcionar o que já existe, mas a rede de saúde não tem funcionado com excelência. Queremos mudar essa realidade. As policlínicas podem ter consultas marcadas, com atendimento especializado, para evitar problemas com antecedência”, sustentou. 


As entrevistas

De quinta (22) até o próximo dia 12, o Jornal da Alterosa promove, em dias úteis, entrevistas de cinco minutos com os candidatos a prefeito de Belo Horizonte. O noticiário vai ao ar às 19h15. Antes de participar do programa televisivo, Engler foi sabatinado por jornalistas do Estado de Minas

As matérias sobre a entrevista ao EM serão publicadas ao longo desta quarta, na internet. Na quinta, a edição impressa trará um resumo dos principais pontos abordados durante a conversa. 

Fabiano Cazeca (Pros), Rodrigo Paiva (Novo) e Nilmário Miranda (PT) também já foram sabatinados.
 

Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia
Primeiro turno de votação nas eleições 2020 será em 15 novembro. Confira nosso guia

Eleições 2020: como votar, datas e horários

O primeiro turno das eleições 2020 será em 15 de novembro e, caso seja necessário no seu município, o segundo turno será realizado em 29 de novembro de 2020. Nestas eleições, o horário de votação é das 7h às 17h. O horário entre 7h e 10h é preferencial para maiores de 60 anos.

Com as novas medidas diante da pandemia do coronavírus, preparamos um guia com tudo que você precisa saber para votar nas eleições 2020.

O que muda nas eleições 2020?

Muitas mudanças foram feitas pela Justiça Eleitoral para os candidatos a prefeito e vereador durante o período eleitoral de 2020. Além disso, os eleitores também terão de se adaptar às novas normas para os dias de votação, como a abertura antecipada das seções eleitorais e as regras de higiene que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).  


Como justificar o voto nas eleições 2020?

Os eleitores poderão optar por justificar o voto de três formas: 
  • No dia das eleições: o eleitor que estiver fora de sua cidade pode justificar a ausência em qualquer local de votação, das 7h às 17h. O eleitor deverá ter o número do título, um documento oficial de identificação e o formulário de justificativa preenchido.

  • Depois das eleições: preenchendo o formulário de justificativa em qualquer cartório eleitoral ou posto de atendimento ao eleitor em até 60 dias após a votação.

  • A justificativa também poderá ser feita no aplicativo e-Título.

Eleições 2020 em Belo Horizonte

Na capital mineira, 15 candidatos disputam as eleições para prefeito. Conheça quem são os candidatos e o perfil de cada na corrida rumo à Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Já para vereador, Belo Horizonte conta com mais de 1,5 mil candidatos. Alguns apostaram em apelidos e codinomes bem inusitados para conseguir votos.



Para acompanhar a cobertura completa das eleições em BH, acesse nosso especial

Para saber mais sobre as Eleições 2020 em Minas Gerais, leia também a cobertura completa das eleições na Grande BH e nas regiões Centro-OesteLesteNorteSul de MinasTriângulo Mineiro e Zona da Mata.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade